CORREIO DAS ILHAS

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Boa Vista: Furacão Fred deixa 50 casas destruídas em Povoação Velha 04 Setembro 2015

A Povoação Velha, no sudoeste da Boa Vista, foi a localidade mais afectada com a passagem do furacão “Fred”: o balanço é de meia centena de casas danificadas pelos ventos que chegaram aos 55 km/hora. O presidente da Associação Varandinha, Henrique Cruz, critica a actuação das autoridades locais e centrais, sobretudo devido à demora na reposição da energia eléctrica. “Ao que parece, as nossas autoridades não conseguem dar tratamento prioritário às prioridades”, desabafou. Já o vereador responsável pela questão da energia, Abel Ramos, garantiu que os trabalhos para a reparação da rede eléctrica já se iniciaram e a população terá energia dentro em breve.

Boa Vista: Furacão Fred deixa 50 casas destruídas em Povoação Velha

Telhados e portas que o vento arrrancou, paredes arrombadas, árvores caídas e postes de electricidade derrubados: é o cenário deixado pela passagem do Furacão "Fred" na localidade mais afectada da Boa Vista, Povoação Velha. Das cerca de 70 casas do povoado, 50 ficaram danificadas, tal como praticamente toda a infraestrutura social (Escola Primária, Jardim de Infância, Centro de Juventude, igreja e o polidesportivo).

Os estragos são significativos e há muito a fazer, realça o presidente da Associação Varandinha, Henrique Cruz, para quem a Câmara Municipal já deveria ter reposto a energia eléctrica. A localidade está isolada: “não há energia eléctrica nem tão-pouco comunicações móveis”, desabafa. Nenhuma das duas operadoras (Unitel Tmais e CVTelecom) funciona. Daí o dedo apontado a quem não dá o devido tratamento prioritário a esta situação crítica.

Uma outra prioridade é, para Cruz, a reabilitação da Escola Primária que ficou “seriamente” danificada. Quanto à reconstrução das moradias, Cruz afiança que os moradores que podem já estão a fazer as suas obras. Mas alerta que muitas famílias precisarão de assistência para resolver as situações de “desenrasque” em que estão a viver nos últimos dois dias. Para a mudança deste panorama, Cruz espera a união entre a Câmara Municipal da Boa Vista e o Governo.

Quanto à cidade de Sal-Rei, os danos foram também consideráveis, sobretudo no Bairro da Boa Esperança (Barraca), onde a maior parte das construções são vulneráveis. Na Vila do Rabil os estragos foram igualmente avultados - mais que na Estância-de-baixo. Já as localidades da Bofareira e a Zona Norte foram as menos afectadas.

Entretanto, o vereador Abel Ramos garantiu ao asemanaonline que uma equipa estará no terreno para repor a ligação eléctrica e que a população terá energia nos próximos dias. O objectivo é reparar a rede no mesmo dia, enfatizou enquanto explicava que a demora se deve à necessidade de um levantamento dos danos. Mas fontes próximas ao asemanaonline entendem que o trabalho levará mais tempo.

Sanny Fonseca

Fotos cordialmente cedidas pela Associação Varandinha

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau