SOCIAL

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Câmara da Praia procura solução sobre os sem-abrigos 16 Outubro 2017

A Câmara Municipal da Praia, através da Direcção de Acção Social, realiza, nesta segunda-feira, 16, uma jornada de reflexão sob o lema “Os sem-abrigos: de invisível ao visível”, em comemoração ao Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza e dos Sem-abrigo. O objectivo é reflectir sobre a problemática dos munícipes sem tecto na cidade da Praia e recolher subsídios para proporcionar as respostas sociais mais adequadas aos mesmos.

Câmara da Praia procura solução  sobre os sem-abrigos

O Governo da República vai estar representado no encontro através da ministra da Família e Inclusão Social, Maritza Rosabal. O foco vai ser na situação dos cerca de 200 sem abrigos a nível de Cabo Verde.

"As pessoas em situação de sem abrigo constitui uma problemática que assume dimensão mundial, mas não tem merecido a devida atenção dos decisores públicos. Em Cabo Verde apesar de ainda não haver um número expressivo da população que vive nessa situação, nota-se, sobretudo nos maiores centros urbanos uma tendência para o seu crescimento. Em 2010, de acordo com os dados do Censo, o número dos indivíduos sem teto, a nível nacional, era de 192 pessoas sendo 186 masculino e 6 feminino", refere uma nota enviada pela autarquia.

A edilidade realça, no entanto, que em 2016, só na cidade da Praia, de acordo com um levantamento efectuado, registou-se 117 pessoas sem-abrigo, sendo 113 masculinos e 6 femininos.

No passado mês de Janeiro, a CMP fez um mapeamento dos sem abrigos, por bairro, tendo sido efectuado o levantamento de aproximadamente 41 pessoas. Em decorrência deste trabalho foi concebido e implementado o projecto “Anjos da Noite”, que tem por objectivos melhorar a condição de vida dos sem abrigos na cidade da Praia, levando um serviço de proximidade.

A equipa de “Anjos da Noite” trabalha diariamente em 3 bairros da cidade da Praia, oferecendo uma refeição quente. Desde início do projecto até esta data já foram cartografadas 82 pessoas em situação de sem abrigo, que utilizam a rua como espaço de dormir.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau