ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Mindelo acolhe XXI Edição da Feira Internacional de Cabo Verde 13 Novembro 2017

Com o lema “Cabo Verde, o Hub para a África Ocidental”, arranca, no dia 15, na cidade de Mindelo, a XXI Edição da Feira Internacional de Cabo Verde. Organizado pelas Câmaras de Comércio, o evento vai decorrer até 19 deste mês nas instalações da FIC, na zona de Laginha, para, entre outros desafios, atender as novas exigências do mercado.

Mindelo acolhe  XXI Edição da Feira Internacional de Cabo Verde

A Feira Internacional de Cabo Verde (FIC) é já considerada um certame comercial de referência para os operadores económicos nacionais e estrangeiros. Durante cinco dias, o país reunirá exportadores, importadores, revendedores, distribuidores e prestadores de serviços de e para Cabo Verde. Tudo com o propósito de promover negócios, explorar oportunidades de investimentos e parcerias, “fazendo assim jus a marca deste evento, que é o de continuar a ser a plataforma de negócios por excelência em Cabo Verde e uma janela de oportunidades para a África Ocidental”.

Conforme a organização, a FIC é um extenso palco de exposição de equipamentos, produtos, serviços e tecnologias, para além de oferecer um vasto programa de actividades paralelas, que está disponível aos visitantes profissionais. São os casos de um conjunto de conferências alusivas a temas actuais, encontros de negócio previstos para todos os dias da Feira, a Gala Empresarial no Hotel Porto Grande, este ano dedicada ao “Prémio Nacional da Qualidade”, e também uma visita guiada à ilha de S. Antão.

À semelhança dos anos transactos, a CCB - Câmara de Comércio de Barlavento custeará 50% das despesas de transporte aéreo aos associados, mediante a apresentação de comprovativos até 31 de Dezembro de 2017. A candidatura far-se-á através do envio da ficha de inscrição, seguindo os critérios exigidos pela entidade promotora.

“O convite para a participação desta Feira é extensivo a todos os empresários nacionais e seus colaboradores, representantes e quadros técnicos das instituições públicas e privadas, profissionais liberais, consultores e universitários”, informam as Câmaras de Comércio de Cabo Verde.

Celso Lob

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau