ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Capital cabo-verdiana deverá ter casa de apoio a sem-abrigo este ano 17 Outubro 2017

A Capital cabo-verdiana deverá ter, ainda este ano, uma casa de apoio aos sem-abrigo da Cidade que, segundo um levantamento de 2016, são mais de uma centena. Esta informação foi avançada esta segunda-feira, 16, pelo presidente da autarquia, Óscar Santos.

Capital cabo-verdiana deverá ter casa de apoio a sem-abrigo este ano

O anúncio foi feito hoje por Óscar Santos durante a sessão de abertura de uma jornada de reflexão sobre a situação dos sem-abrigo na Cidade da Praia, no âmbito do "Dia Internacional da Erradicação da Pobreza", que se assinala a 17 de Outubro.

A ideia é, segundo a autarquia, criar uma estrutura de apoio que assegure serviços básicos de alimentação, vestuário, higiene e alojamento aos sem-abrigo da capital, tendo o Governo cedido já um espaço para o efeito no centro histórico da Cidade da Praia.

De relembrar que em Junho passado, a Câmara Municipal da Praia lançou o projecto "Anjos da Noite", que oferece refeições aos sem-abrigo em três bairros da Capital, tendo já identificado 82 pessoas nesta situação.

Um levantamento efectuado pela autarquia em 2016 dava conta da existência de 117 pessoas a viver nas ruas da Capital, sendo a maioria homens. Assim, os dados do último Censo realizado em Cabo Verde apontam para a existência de cerca de 200 sem-abrigo, ao nível nacional.

Óscar Santos sublinhou ainda, que há a necessidade de reforçar a luta contra a pobreza numa cidade onde a taxa de pobres atinge os 11% da população urbana e 15% dos habitantes das zonas rurais e arredores da capital.

"Há necessidade de se criar um referencial de trabalho social com o intuito de colmatar as necessidades dos munícipes que vivem em situações difíceis", garante Óscar Santos. C/Lusa

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau