ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

‘Cavala americana’: INDP identifica nova espécie piscatória em Cabo Verde 03 Junho 2015

O Instituto Nacional de Desenvolvimento das Pescas (INDP) identificou uma nova espécie de cavala nos mares de Cabo Verde, capturada na zona de Flamengos por um navio pesqueiro. A descoberta aconteceu em meados deste mês, depois que o barco “João Baptista” pescou nada menos que sete toneladas do pelágico, a uns cinquenta metros de profundidade, no litoral da ilha de S. Vicente. Técnicos do INDP, alertados para a inusitada pescaria, recolheram amostras no mercado de peixe da cidade do Mindelo e constataram a presença da espécie Decapterus tabl pela primeira vez nas águas do arquipélago.

‘Cavala americana’: INDP identifica nova espécie piscatória em Cabo Verde

Este peixe, segundo a bióloga Vanda Marques, tem quase o mesmo tamanho da cavala preta, espécie típica de Cabo Verde, mas distingue-se por ter a cauda avermelhada. “Até agora, a espécie tinha sido identificada no Atlântico este, apenas na parte central, nas ilhas de Ascensão e Santa Helena. Do outro lado do Atlântico, nas costas americanas, aparece no Canadá, Carolina do Norte (USA), Venezuela e ainda no Brasil e na Argentina. No Oceano Pacífico, vive pelos lados do Japão, Indonésia, Austrália e Havaí. E, no Oceano Índico, é encontrada desde o Quénia à East London - África do Sul”, explica uma nota endereçada a este jornal pelo Instituto Nacional de Desenvolvimento das Pescas.

Até o momento, o INDP não descobriu as razões científicas da presença da cavala Decapterus tabl deste lado do Atlântico e em tanta quantidade. No entanto, o instituto pretende desenvolver estudos nesse sentido. Aliás, este é mais um recurso marinho que pode ser explorado comercialmente, ainda mais numa altura em que o valor da cavala tem vindo a aumentar. Pelas informações que a bióloga Vanda Marques dispõe, a (nova) cavala foi vendida ao preço habitual do mercado.

Porém pelo que dizem os pescadores artesanais, esta não será a primeira vez que esse tipo de pelágico é capturado. Afirmam que a espécie se alimenta de pequenos invertebrados planctónicos e já é conhecida entre os homens do mar por “cavala americana”.

Kim-Zé Brito

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau