INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Crise política no Reino de Espanha: Morte súbita em Argentina do procurador-geral Maza 20 Novembro 2017

Crise política no Reino de Espanha: Morte súbita em Argentina do procurador-geral Maza

O falecimento aos 66 anos do procurador-geral de Espanha, responsável pelo processo direcionado contra os membros do parlamento e governo catalães (na sequência do referendo de 1 de outubro), surpreendeu o mundo este fim de semana.

O magistrado Maza estava na capital argentina por razões de trabalho — a reunião anual dos Ministérios Públicos Ibero-Americanos — quando na sexta-feira à noite foi acometido de um mal-estar. Foi de imediato hospitalizado, mas nada fazia prever que o desfecho fosse a morte.

Consta que o malogrado sofria de diabete e que a hospitalização terá desencadeado uma infeção generalizada, refere o diário espanhol ’20minutos’.

A confirmação do falecimento foi feita em Madrid pelo ministro da Justiça cerca das 23 horas de sábado. Numa mensagem pessoal, o ministro Rafael Catalá referiu o “servidor público e o jurista de mérito”.


Nova reviravolta na crise política da Catalunha

O magistrado ficará na história do seu país como o primeiro responsável pela acusação dos independentistas catalães. Destaque para a prisão de Oriol Junqueras, o vice-presidente da Catalunha, com mais se te membros do governo da região que perdeu a sua autonomia no processo independentista, no seguimento do referendo do dia 1 de outubro.

Fontes:Elpaís, ’20minutos’. Foto: EFE — José Manuel Maza e Carles Puigdemont

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau