ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Destaques A Semana nº 1257 02 Dezembro 2016

Ilídio Cruz faz a manchete deste número do jornal A Semana, que vai estar um pouco mais tarde nas bancas, por constrangimentos com corte de energia na Praia e feriado em Portugal. Em entrevista a este semanário, inserida no caderno Destaque, o presidente do Conselho Nacional da Jurisdição e Fiscalização do PAICV diz: “O exercício de tendências no seio do partido é salutar, mas tem limites”. A declaração de Cruz acontece no âmbito dos preparativos das directas de 29 de Janeiro, que irão renovar a liderança, e o Congresso extraordinário de Fevereiro, no qual se elegerá os demais órgãos e se aprovará as moções de estratégia para a próxima temporada política. Atendendo aos conflitos surgidos nas disputas anteriores, Ilídio Cruz lembra que «as sensibilidades expressam-se publicamente nas primárias para as escolhas dos candidatos, mas uma vez resolvida a disputa, pela expressão da vontade dos militantes, todas as sensibilidades que antes estavam em competição se unem em prol dos objectivos do Partido».

Destaques A Semana nº 1257

Primeiro Caderno

Na Actualidade A Semana destaca “Cortes de energia provocam revolta no Fogo”. Segundo o jornal, a população da ilha do vulcão está revoltada com os frequentes cortes de energia eléctrica que estão a ocorrer nas suas residências e estabelecimentos comerciais, principalmente nos fins-de-semana. Os visados mostram-se impacientes com a situação e calculam que já são elevados os prejuízos já causados por esses cortes. Contactado por este jornal, o delegado da Electra, Henrique Fernandes, garante, no entanto, que o problema está resolvido.

O semanário revela também quais são as prioridades da novel Secretária-geral da UNTC-CS. “O Governo deve dar sinal de alento e carinho aos milhares de trabalhadores que acreditaram, apoiaram e votaram o seu programa de governação”. Este é o apelo de Joaquina Almeida, que estabelece como prioridade lutar para repor o poder de compra dos trabalhadores e implementar o acordo colectivo de trabalho para combater a precariedade do emprego, a desigualdade social e os despedimentos. Na frente interna, Joaquina Almeida, que venceu o seu adversário Aníbal Borges no congresso da semana passada ao conquistar cerca de 60 por centos dos votos expressos, anuncia que vai centrar a sua atenção na reorganização e coesão da maior central sindical nacional.

O dossier Novo PCCS dos Correios de Cabo Verde é outro destaque. “Ministro da Economia suspendeu a deliberação do Conselho de Administração por falta de homologação do Governo”, diz A Semana. José da Silva Gonçalves, que tutela os Correios de Cabo Verde, mandou suspender imediatamente a deliberação do Conselho de Administração dessa empresa que aprovou o novo Plano de Cargos Carreiras e Salários (PCCS) e a vinculação de um conjunto de trabalhadores no quadro do pessoal da instituição. No seu despacho, de 21 de Novembro, Gonçalves diz que o CA não “obedeceu a quaisquer critérios objectivos e transparentes” e que a decisão foi tomada “à revelia dos ditames legais estatuídos para o efeito”. Isto é, ficou de fora o Ministério da tutela a quem cabe homologar o documento.

O semanário ainda denuncia que “Falta de multibanco na Repartição de Finanças da Boa Vista: Depósitos de impostos na conta de dois funcionários geram suspeições”. A falta de um “simples” dispositivo de “Multibanco” na Repartição de Finanças (RF) da Boa Vista está a gerar uma onda de desconfiança e descontentamento no seio dos contribuintes. É que, na falta desse dispositivo de pagamento, os depósitos vêm sendo feitos numa conta conjunta de dois funcionários da repartição. Mas a delegada das Finanças da Boa Vista, Ulisa Chantre, esclarece que se trata de uma situação temporária e que o sistema informático das Receitas do Estado é suficientemente transparente para evitar qualquer fraude.

A entrevista que o novel presidente da Câmara Municipal do Sal concedeu ao A Semana também tem direito a chamada na primeira página. Júlio Lopes afirma: “Vamos transformar Santa Maria em uma cidade turística de nível internacional”. O edil salenese declara que está empenhado em provar aos municipes que o elegeram que as promessas feitas durante a campanha são para cumprir. Insatisfeito com o estado das ruas da cidade mais turística do país, o edil promete dedicar o primeiro ano do seu madato a transformar Santa Maria em uma cidade turística de nível internacional.

Ainda na Actualidade, o semanário fala do caso processo disciplinar contra Amândio Barbosa Vicente. “Correios de Cabo Verde recorre da sentença para o Tribunal de Relação” é o título da reportagem que nos dá conta de que os Correios de Cabo Verde (CCV) - que foi condenado a devolver três meses de salário ao trabalhador Amândio Barbosa Vicente após declarar nulo o processo disciplinar a que este foi sujeito por denunciar indícios de gestão alegadamente danosa da presidente do Concelho de Administração, Alita Dias - interpôs recurso para o Tribunal de Relação de Sotavento, sita em Assomada, Santa Catarina (Santiago). No seu protesto, o advogado pedirá à novel instância judicial para absolver o seu constituinte por considerar que há motivos suficientes que justificaram a punição de Amândio Barbosa Vicente, que actualmente é líder do Partido Popular (PP).

E, por fim, “Fiscalização de viaturas do Estado: Polícia Nacional apreende 20 carros por falta de credencial”. Segundo o periódico, a Polícia Nacional está a ter “mão dura” contra quem circula com viaturas do Estado sem credencial e fora do horário normal de serviço, incluindo fins de semana e feriados. De 5 de Setembro, data em que a medida foi implementada, até 13 de Novembro, vinte viaturas foram já apreendidas por falta de credencial, a maioria na cidade da Praia. O director-nacional da PN fala de “mais rigor” no controlo das “chapas amarelas”.

Suplemento Desportivo Lance

O caderno de desporto destaca “Os melhores com a Gala do Desporto”. Os melhores desportistas do ano em Cabo Verde - de um total de quatro finalistas - vão ser conhecidos na Gala do Desporto Cabo-Verdiano, que acontece este sábado, 3, a partir das 20 horas, na Praça Central do Tarrafal de Santiago.
Lance também revela que “Crisólita Rodrigues e Ruben Sança querem medalhas” na Meia Maratona de Macau. uben Pascal Sança e Crisólita Rodrigues são os dois escolhidos para representar as cores nacionais na 35ª edição da Maratona Internacional de Macau, que terá lugar no próximo domingo, 7. A edição de 2016 deverá ser a maior prova de sempre, tendo em conta o número de vagas disponibilizadas pelo Instituto do Desporto para as três modalidades que integram o cartaz competitivo do certame: maratona, meia-maratona e minimaratona.

Ainda no suplemento desportivo a denúncia de que as “Péssimas condições do Polidesportivo Simão Mendes geram revolta”. Ninguém quer aceitar o descaso a que foi votado o Polidesportivo Simão Mendes em São Filipe. O único espaço no município para a prática das modalidades de salão está em péssimas condições: piso estaladiço e com fissuras, tabelas de basquetebol sem rede, bancadas sujas, falta de casas de banho e lixo acumulado. Exige-se uma intervenção urgente de quem de direito. Ademais, alertam os atletas, o nome de Simão Mendes, que foi um do maiores futebolistas do Fogo, merece mais respeito e consideração por parte das autoridades municipais e governamentais.

O xadrez é notícia porque nenhum jogador está ainda inscrito na recém-criada federação cabo-Verdiana da modalidade, a três meses do início das competições calendarizadas para esta época, Carapinha, o presidente da federação mostra-se tranquilo, ciente de que o cenário pode mudar a qualquer instante. Segundo o presidente da FCX, os xadrezistas ainda têm tempo e podem inscrever-se por iniciativa individual ou através das associações e dos clubes. O ideal, no entanto, é que os interessados utilizem a última opção, que lhes possibilita participar quer em competições de carácter individual quer por equipas.

Suplemento Cultural Kriolidadi

O caderno de Cultura conta que “Dorival Ramos fala da comunicação social cabo-verdiana em festival cultural brasileiro” que acontece hoje e amanhã, em Fortaleza. No evento chamado II Noites Brasileiras - Festival Multicultural do Brasil, o assessor de imprensa de Mário Lúcio Sousa no seu mandato como ministro da Cultura, Ramos vai falar aos brasileiros sobre a sua experiência como fundador da comunidade e jornal online "Binókulu Pulitiku".

Kriolidadi ainda anuncia que Fábio Vieira lança a sua quatra obra “Uma Vida, mil e um destinos”, em Dezembro. Segundo o autor, o romance procura, a partir de uma amálgama de histórias, despertar-nos para um punhado de problemas que vêm assolando a sociedade hodierna, com especial enfoque nos dilemas passionais, políticos e de governação que, em certa medida, vêm minado e perigando os valores da nossa democracia e do nosso Estado de Direito.

O suplemento cultural ainda relata que as Edições Chandeigne vão reeditar clássicos e contemporâneos da literatura cabo-verdiana. A editora francesa vai republicar os clássicos da literatura cabo-verdiana, como “Flagelados do Vento Leste” (Manuel Lopes) e “Chiquinho” (Baltasar Lopes), e também lançar no mercado francês os escritores cabo-verdianos contemporâneos. O anúncio foi feito por Michel Chandeigne, fundador e dono da única editora e livraria portuguesa de França, durante a sua recente visita a Cabo Verde a convite da Biblioteca Nacional, sob o alto patrocínio da Embaixada de França.

Conheça as opções de eventos culturais da semana na Agenda Cultural. No Radar descubra outras notícias que fazem a actualidade cabo-verdiana. E vários articulistas abordam temas relevantes do nosso país em Opiniões.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau