ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Destaques do jornal A Semana nº 1223 24 Mar�o 2016

A edição do A Semana que chega esta quinta-feira às bancas, um dia antes do habitual por causa do feriado de Sexta-Feira Santa, faz o rescaldo das eleições legislativas de domingo. Anuncia um novo ciclo político e analisa os factores que ditaram a mudança. Diz, por exemplo, que o score eleitoral conseguido pelo MpD se deve vários factores. Mas o destaque vai para a organização, união e maturidade do partido e sobretudo de uma estratégia de proximidade com os cabo-verdianos assumida por Ulisses Correia e Silva. Abraão Vicente, responsável de comunicação do MpD, defende que, contrariamente ao PAICV, o MpD se preocupou em unir o partido, ouvir o povo, fazer um Programa Eleitoral sólido e manter o foco sobre a vitória. Já Manuel Inocêncio entende que a vontade dos cabo-verdianos falou mais alto.

Destaques do jornal A Semana nº 1223

Ainda no Caderno Especial Legislativas, o jurista João Gomes, presidente da Comissão Concelhia do MpD, diz que São Vicente vai cobrar a promessa de regionalização e ameaça bater com a porta se o Governo defraudar os mindelenses. Está, por isso, decidido a cobrar ao MpD a promessa feita ao eleitorado de debater, em sede parlamentar, a proposta regionalização administrativa e económica da ilha, logo no primeiro ano do mandato. Revela ainda os possíveis ministeriáveis do Governo de Ulisses Correia e Silva e lista os vencedores e os perdedores destas eleições.

O Social anuncia que a defesa do alemão Milan Rataj — condenado, por detenção de armas proibidas, a quatro anos de prisão mas com pena suspensa por cinco anos — vai intentar um recurso junto do Supremo Tribunal da Justiça (STJ). Segundo o seu advogado, aquela instância judicial deverá absolver Rataj de todos os crimes a que foi sentenciado pelo Tribunal da Praia, porque as armas agora confiscadas foram encontradas no barco e não na posse do agora condenado. Com mais este expediente, eleva-se para três o número de recursos interpostos pelo advogado junto do STJ, no quadro desse processo.

Revela ainda que o Ministério da Saúde volta a punir o cardiologista Fernando Lopes, que está proibido de entrar no Hospital de São Vicente, por ordens da ministra. Lopes, conforme despacho do gabinete de Cristina Fontes, foi transferido para a Delegacia de Saúde do Mindelo desde o dia 7 deste mês e, enquanto a medida vigorar, está expressamente impedido de ter acesso às instalações do Hospital Baptista de Sousa.

O jornal noticia também que os vinte e dois alunos do 7º ao 10º ano da Escola Secundária Alfredo da Cruz Silva em Santa Cruz, que sofreram desmaios colectivos quando assistiam às aulas, estão a receber tratamento psicológico. A delegada de Saúde, Ângela Gomes, diz que, embora tudo esteja a indicar que se trata de uma reacção emocional exagerada, designada histeria colectiva e associada com frequência aos adolescentes – quando sentem que não conseguem resolver os seus problemas –, está a ser cautelosa a resposta sobre um diagnóstico pela equipa de psicólogos que os acompanha. Quanto ao fenómeno “sobrenatural” – como alguns alegaram –, a médica prefere não entrar nesse campo por não estar suportada em explicações científicas.

Na Economia destaca-se que a União Europeia disponibilizou a primeira tranche para o “Ecoturismo na Piscina Natural de Salinas” que é um projecto da Câmara Municipal de São Filipe. Nesta primeira fase, a entidade executora — a ONG “Esdime” de Ferreira do Alentejo, Portugal — vai concentrar-se no planeamento operacional e nos contactos com as instituições locais. São mais de 39 mil contos destinados a requalificar toda a área envolvente da estância balnear, para tornar a região mais atraente aos olhos dos turistas.

Suplemento Cultural Kriolidadi

Na Cultura, a novidade é que o jovem músico Cee Jay vai lançar o seu segundo single, "Fema d’nha Broda", que fará parte do seu CD de estreia. Fusão de ritmos entre o Funk, R&B e a música nacional, o álbum será essencialmente acústico e contará com a participação especial de músicos cabo-verdianos e americanos. A viver há três anos nos EUA, o músico realizou o seu “sonho” de editar o seu primeiro trabalho discográfico – que ainda não tem data para chegar ao mercado. No ano passado lançou a sua primeira composição, com o título “Fã número 1”.

Ainda de música falando, revela que Johnny Ramos está a preparar “Corpo e Alma”, terceiro disco da sua carreira. O álbum de 12 faixas passeia por ritmos vários, entre os quais o R&B e o Kizomba, além de que traz uma outra faceta do cantor cabo-verdiano, residente na Holanda, que interpreta “Imagina”, uma morna da sua autoria, além de um dueto com o artista são-vicentino e deficiente visual Naná. Numa espécie de brinde aos cabo-verdianos, Ramos lançará brevemente “Tu e Eu”, primeiro single deste seu trabalho discográfico.

Suplemento Desportivo Lance

No Desporto, o realce vai para o Mindelense que se posiciona isolado na liderança do campeonato regional de São Vicente, quando já faltam cinco jornadas para o fim. Rui Alberto, que chefia a equipa técnica do clube, garante que o objectivo é "vencer" a prova regional e entrar no campeonato nacional "com uma outra perspectiva". Revalidar o título de campeão nacional e conquistar o tetra são as metas do treinador.

Desvenda, num outro registo, quem são os atletas que vão representar Cabo Verde na 20ª edição da Meia-Maratona Internacional de las Galletas, na ilha canarina de Tenerife, no dia 03 de Abril. Joaquim Fortes, Crisolita Rodrigues e Sérgio Dias, atleta cabo-verdiano radicado na Suíça, farão um percurso de 21 quilómetros. O atleta da categoria júnior Isaías Pinto fará os 10.8 quilómetros. A viagem destes desportistas às Canárias está agendada para dois dias antes dessa prova.

De futebol falando, avança-se que a equipa Futebol Clube Sinagoga interpôs um protesto contra o Paulense, por suposta irregularidade na utilização de um jogador que está com dupla inscrição. A reclamação deu entrada na Associação Futebol da Região Norte de Santo Antão (AFRSA) no passado mês de Novembro, mas até agora o conselho jurisdicional da AFRSA não emitiu qualquer comunicado para esclarecer a situação. O Sinagoga ameaça, caso a AFRSA não reaja, avançar com um recurso junto à federação a fim de repor a legalidade.

Radar - Página 7

Neste espaço, os leitores podem ler várias curiosidades, com destaque para as relacionadas com as eleições de 20 de Março.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau