INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

EUA: Ataque de Manhattan deixou 8 mortos, Nova Iorque securiza-se para ‘NY Marathon’ de domingo 02 Novembro 2017

A cidade de Nova Iorque abalada, esta terça-feira, por um segundo atentado terrorista —
que matou oito pessoas, cinco das quais os argentinos da foto — manteve no seu programa tanto a festa do ‘Halloween’ do final do dia 31 como a quadragésima-sétima edição da maratona de Nova Iorque do próximo domingo.

	EUA: Ataque de Manhattan deixou 8 mortos, Nova Iorque securiza-se para ‘NY Marathon’ de domingo

A quadragésima-sétima edição da maratona de Nova Iorque, no lúgubre pós-atentado de Manhattan que esta terça-feira, 31, fez oito mortos e dezenas de feridos, vai decorrer sob estritas medidas de segurança.

Todo o percurso, 42 km que abrangem cinco bairros – lncluindo Manhattan, lugar do atentado terrorista na ciclovia ao longo do rio Hudson —, vai estar sob alta vigilância, anunciou esta quarta-feira o governador nova-iorquino, Mario Cuomo.

A ‘New York Marathon’ começou em 1970 e só foi interrompida em 2001, após o “11 de Setembro”.

Desta vez, porém, os nova-iorquinos, que horas depois tiveram a sua programada festa do último dia de outubro, vão também no primeiro domingo de novembro realizar a sua célebre maratona. .

“Mostramos ao terrorismo”, disse o presidente Bill Blasio, “que não nos deixamos abater”, pela “ tentativa dos terroristas de destruir o nosso moral e nos desestabilizar”.

Patrulha aérea

A maratona continua como agendada e com as medidas de segurança reforçadas, garantiu Bill Blasio em conferência de imprensa nesta quarta-feira.

“A maratona vai ser um evento seguro”, que “vai contar com 50 mil pessoas a correr e 2,5 milhões a assistir”. O “New York Marathon’ vai ter as habituais medidas de segurança a que vamos acrescentar outras, extraordinárias”.

Por seu lado, o chefe da polícia da cidade garantiu que “vão ser colocadas barreiras, haverá observadores e atiradores de elite colocados nos telhados. Vamos aumentar o número de agentes de polícia, também à paisana. Os meios de deteção de exxplosivos vão estar alerta. Vamos ter uma patrulha aérea”.

Além disso, o referido responsável, James O’ Neill, deixou um apelo aos novaiorquinos para que estejam atentos e chamem a polícia sempre que algo lhes pareça suspeito. “Desde o ‘11 de Setembro’, conseguimos evitar mais de vinte atentados”, lembrou, “porque fomos avisados”. Fontes: NYTimes, CNN.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau