NOTÍCIAS

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Edil Óscar Santos: Praia Cidade Criativa da UNESCO é uma vitória de todo o Cabo Verde 01 Novembro 2017

A classificação da Praia como Cidade Criativa das Nações Unidas para Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), na categoria de Música, é uma vitória não só da capital do país como também de todo o Cabo Verde.

Edil Óscar Santos: Praia Cidade Criativa da UNESCO é uma vitória de todo o Cabo Verde

A afirmação é do presidente da Câmara Municipal da Praia (CMP), Óscar Santos, em declarações à Infopress, momentos depois da publicação, esta terça-feira,31 de Outubro, da lista pela UNESCO.

“Esta é uma vitória não só da capital do país como também de todo o Cabo Verde”, precisou o edil, sublinhando que o “poeta disse bem que a Cidade da Praia é de música e de músicos”.

Para a mesma fonte, com esta nomeação, a Cidade da Praia vai poder partilhar experiências e criar novas oportunidades para si e para outros, numa plataforma global, como por exemplo para as actividades baseadas no “turismo criativo”.

“É muito importante para a Cidade da Praia a sua aceitação, a votação que aconteceu em Paris não foi fácil e foi a única cidade africana que foi aceite, sendo que agora somos nove em África que fazem parte da Rede das Cidades Criativas da UNESCO que funciona de apoio comum, sobretudo no aproveitamento daquilo que é estratégico nas indústrias criativas”, frisou o presidente citado pela Inforpress.

O Edil Óscar Santos entende que este resultado representa “todo o tipo de esforço” que a autarquia tem feito nos últimos oito anos, com uma aposta “muito forte” na agenda cultural, garantindo que agora a cidade vai preparar, através de um plano detalhado, para “tirar o máximo proveito” dessa aceitação à Rede das Cidades Criativas da UNESCO.

Entretanto, primeiro a Praia vai fazer um encontro com os principais parceiros, conforme o presidente, para depois definir e aprovar um plano de acção para os próximos tempos, porque essa entrada na Rede dá “muita visibilidade”, visto que mais de 160 cidades do mundo fazem parte da Rede no universo de 54 países.

Na lista das 64 novas localidades a integrar a rede mundial da UNESCO estão também Amarante (Música), Barcelos (Artesanato e Arte Popular) e Braga (Artes Mediáticas) de Portugal, e Macau (Gastronomia), bem como as cidades brasileiras de Brasília (Design), João Pessoa (Artesanato e Arte Popular) e Paraty (Gastronomia).

A Rede das Cidades Criativas procura, segunda a fonte referida, desenvolver a cooperação internacional entre as cidades que identificaram a criatividade como um factor estratégico para o desenvolvimento sustentável, no âmbito de parcerias, incluindo os sectores público e privado, organizações profissionais, comunidades, sociedade civil e instituições culturais em todas as regiões do mundo.

A Rede foi criada em 2004 com a finalidade de promover a cooperação internacional entre as cidades que reconhecem a criatividade como uma direcção estratégica e um impulsionador para a regeneração e o desenvolvimento urbano sustentável, assim como promover o desenvolvimento social, económico e cultural.

Este ano, em Cabo Verde duas cidades apresentaram a sua candidatura, a Praia e São Domingos, esta última na categoria de Artesanato e Artes Populares, refere a agencia cabo-verdiana de notícias.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau