NOTÍCIAS

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Élida Almeida vence concurso musical “Prix découvertes RFI 2015” 18 Novembro 2015

A artista Élida Almeida, do Concelho de Santa Cruz da ilha de Santiago venceu esta terça-feira, 17, o Prémio RFI Découvertes 2015. É a segunda vez que um artista cabo-verdiano conquista esse prestigiado prémio internacional: em 2005 foi Tcheka o primeiro. A cantora tem apenas 22 anos e conta com um primeiro álbum "Ora doci, ora margos", noticiou o site da Rádio França Internacional (RFI).

Élida Almeida vence concurso musical “Prix découvertes RFI 2015”

Segundo o site da RFI (versão em português), o júri do Prémio RFI Découvertes 2015, presidido pela cantora maliana Oumou Sangaré, tinha a missão de escolher entre os 14 artistas africanos finalistas, o vencedor. A laureada receberá um prémio no valor de 10 mil euros, bem como ter a oportunidade de completar uma agenda de digressões em França e vários países de África.

"Ora doci, ora margos", o seu álbum de estreia, foi lançado em Dezembro de 2014. Saiu em Janeiro de 2015 em Portugal e em vários outros países europeus, incluindo a França, onde ela participou em Maio no Festival Musiques Métisses.

A música "Nta Konsigui" foi escolhida para a telenovela portuguesa "A única mulher" e teve um sucesso fulgurante.

Élida Almeida nasceu no Concelho de Santa Cruz, na ilha de Santiago, viveu largos anos na Ilha do Maio e é a autora de grande parte das canções deste disco.

José da Silva, fundador da Lusáfrica, é o produtor da Élida Almeida e mostra-se satisfeito com a obtenção do prémio.

C/RFI

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau