LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

“Evacuações”? Ou: Impacto Económico da Lacuna de Informação 06 Julho 2017

“Evacuações”? Ou: Impacto Económico da Lacuna de Informação

Por: Luiz Cunha

Estamos todos cientes dos ataques cibernéticos, porque no planeta global mal um malware surge é logo conceptualizado, com denominação em inglês. E imediatamente as redes passam a estar sob estrita vigilância, transpondo-se ou não o conceito para outras línguas. A eficácia desejada em combater o malware, conclui-se, não depende da naturalização da palavra na língua do país.

Contudo, existem espaços da nossa existência nos quais só pode reinar soberana a língua própria. A primeira, seja ela a que nos chega do berço, ou do meio de socialização. Sem ela, ou elas em contexto bilingue, a existência individual e coletiva na sociedade que é a nossa fica incompleta.

Só o desconhecimento gerou esse monstro que é a denominação “Gabinete das Evacuações Externas”. Quem deu esse nome horrendo desconhece o sentido principal do verbo “evacuar” e dos seus derivados.

Esse "legislador", no sentido que tem em Platão e que é hoje o profissional de comunicação, desconhece que em todo o espaço da língua portuguesa o primeiro significado de "Evacuações" é do domínio dos vasos sanitários?

Numa era em que o “legislador” tem de ter uma cultura sólida só me resta deixar esta dica: Profissionais da comunicação, tenham o máximo cuidado com a língua ou as línguas que usam no contexto de trabalho e que é a vossa ferramenta principal.

Sobre o título, esclareço o significado de “económico” socorrendo-me do método socrático: Podemos ter como competente para a condução dos destinos duma instituição (seja ela qual for) um profissional que foge à tarefa de examinar (ou mandar fazê-lo por quem sabe) a adequação dos termos próprios do seu ramo?

Sugestão 1ª: Mudar a designação para uma mais adequada tanto a nível de forma como de conteúdo. Por exemplo: ADEPE – Atendimento ao Doente Enviado para o Estrangeiro./ ADETE – Atendimento na Doença em Tratamento no Estrangeiro.

Sugestão 2ª: Pedir conselhos à sociedade civil e instituições – academia, universidades … — no processo de escolha de denominações.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau