ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Governo forçado a levar OGE à concertação social 27 Novembro 2017

O Governo vai convocar de emergência uma sessão do Conselho da Concertação Social (CCS) para apreciar o Orçamento Geral do Estado (OGE) para 2018, que vai ser apreciado na plenária da Assembleia Nacional deste mês que começa esta segunda-feira,26, na Praia. A Secretária-geral da UNTC-CS, Joaquina Almeida, critica que os parceiros sociais não foram tidos em consideração no processo e que a convocação do CCS surge na sequência da pressão que a sua organização fez neste sentido junto de instituições nacionais e internacionais.

Governo forçado a levar OGE à concertação social

A responsável da maior central sindical nacional diz estranhar o facto de o governo não ter ouvido atempadamente, como tem sido prática em Cabo Verde, os parceiros sociais sobre o Orçamento de Estado para 2018.

«Após vários encontros divulgados pelos órgãos da comunicação entre a SG da UNTC-CS e as entidades nacionais e representantes internacionais no país, no sentido de sensibilizar o governo para convocar o CCS com urgência, tudo leva a crer que a mesma poderá ser convocada», diz a líder da UNTC-CS.

Joaquina Almeida, critica, no entanto, que a reunião poderá acontecer só depois da aprovação na generalidade da OGE, o que, na sua opinião, o governo poderia evitar isso por ser menos produtivo. «Certamente a reunião só será possível acontecer após a provação na generalidade do OE para 2018, que será já nesta segunda-feira, dia 27 de Novembro».

Diante de tudo isto, a presidente da UNTC-CS contesta que os parceiros sociais não foram levados em consideração no processo da elaboração da OGE. «Mais uma vez os parceiros sociais não foram tidos em consideração para esse assunto – Orçamento Geral do Estado - de muita importância para o país», protesta Joaquina Almeida.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau