SERÁ NOTÍCIA

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Governo procura alternativas para patrulhamento aéreo e segurança da Zona Económica Exclusiva 14 Outubro 2017

O Governo assistiu esta sexta-feira,13, na pista do Aeroporto Internacional da Praia, à demonstração técnica de duas aeronaves DA42 e DA62 MPP, destinadas ao patrulhamento e às operações de busca e salvamento marítimo.

Governo procura alternativas para patrulhamento aéreo e segurança da Zona Económica Exclusiva

Sete Ministros - de Negócios Estrangeiros e da Defesa, da Economia e Emprego, da Administração Interna, da Justiça, da Cultura e Indústrias Criativas, da Saúde e da Agricultura e Ambiente - estiveram, na apresentação das aeronaves DA42 e DA 62 MPP, construídas pela empresa austríaca Diamond Aircraft e que podem muito bem servir o país no futuro.

Para o Ministro dos Negócios Estrangeiros e Defesa, Luís Filipe Tavares, este é mais um passo para a garantia da segurança do país e na criação de todas as condições para que o nosso arquipélago possa ter soberania sobre a sua Zona Económica Exclusiva. “Estamos paulatinamente a criar todas as condições para cumprirmos aquilo que está no programa do Governo. Apresentamos duas soluções, mas haverá outras e vamos trabalhar para garantir condições de segurança”, diz Luís Filipe Tavares.

Essas aeronaves, cujas capacidades e valências foram demonstradas ao pormenor, são adaptáveis à realidade climática cabo-verdiana e, neste quadro, o governo está a analisar detalhadamente os trâmites requeridos e a desenvolver contatos, não só com o governo austríaco, como também com a própria Comissão Europeia, com vista a, conjuntamente, encontrar possibilidades de financiamento para a aquisição destas aeronaves e criar todas as condições para que os objetivos do Programa do Governo, nessa vertente, sejam plenamente cumpridos, conforme ressaltou Luís Filipe Tavares.

De realçar que essas aeronaves, concebidas especificamente para o patrulhamento marítimo e caraterizadas por uma elevada autonomia, poderão, caso venham a ser adquiridas, reforçar as valências aéreas da Guarda Costeira cabo-verdiana, particularmente pelo baixo custo de manutenção e operacionalização, em conformidade com o Plano Estratégico de Desenvolvimento da Guarda Costeira, aprovado no passado mês de dezembro.

Durante as demostrações, as duas aeronaves exibiram as suas habilidades em termos de manobras, disponibilização de dados e fiscalização marítima em busca de salvamentos, tendo o evento contado com a presença dos Ministros da Economia e do Emprego, da Administração Interna, da Justiça e do Trabalho, da Cultura e das Indústrias Criativas, da Saúde e da Segurança Social e da Agricultura e do Ambiente, entre outras entidades nacionais.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau