SOCIAL

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Governo vai galardoar Amélia Araújo com 1º Grau da Medalha de Serviços 18 Fevereiro 2015

O Governo vai galardoar Amélia Rodrigues de Sá e Sanches de Figueiredo Araújo com o Primeiro Grau da Medalha de Serviços Distintos por sua abnegação, bravura e dedicação à Causa Nacional. Esta decisão constitui o reconhecimento do papel que Amélia Araújo desempenhou no processo da Luta da Libertação Nacional e do seu contributo para o desenvolvimento da comunicação social, particularmente a radiodifusão.

Governo vai galardoar Amélia Araújo com 1º Grau da Medalha de Serviços

O Governo atribui este galardão a Amélia Araújo no ano em que o país vai celebrar 40 anos da Independência Nacional e quando decorrem actividades alusivas ao Dia Mundial da Rádio. “É de justiça destacar e reconhecer a trajectória e o contributo desta cabo-verdiana à causa da Independência Nacional e ao desenvolvimento do País, designadamente do sector da comunicação social, em particular da Rádio”, argumenta o executivo.

Araújo destacou-se, durante a luta armada, enquanto produtora, animadora e locutora da Rádio Libertação. Com a sua voz clara e timbrada, foi uma das protagonistas da “guerra psicológica”, desferindo duros golpes nas hostes do inimigo com os seus programas em língua portuguesa, quais sejam o “Comunicado de Guerra” e o “Programa do Soldado Português”, que provocou muitas baixas e deserções entre os militares inimigos.

Após a Independência Nacional, assumiu ainda funções públicas em Cabo Verde, emprestando toda a sua experiência e dedicação profissional ao desenvolvimento do país. Com o seu profissionalismo, entrega e tenacidade, influenciou gerações e inspirou vocações, como demonstra a grande leva de jornalistas que no país actualmente exercem esta nobre profissão.

Foto: DW/M. Sampaio

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau