ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Hospital Agostinho Neto implementa programa de transplante renal com apoio de Portugal 28 Outubro 2015

O Hospital Agostinho Neto (HAN) com o apoio técnico do Hospital de Santa Maria, Portugal, vai criar o primeiro programa de transplante renal em Cabo Verde. O protocolo que permite esta transferência de know how foi rubricado pela directora do HAN, Ricardina Andrade, e pelo Presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar de Lisboa Norte, Carlos Martins, que visita por estes dias o hospital central da Praia.

Hospital Agostinho Neto implementa programa  de transplante renal com apoio de Portugal

Tempo também para mais três acordos específicos: nas áreas das urgências de adultos, da nefrologia e da gestão hospitalar. A funcionar desde 2014, o centro de hemodiálise do HAN atende actualmente 52 doentes, estando 14 em lista de espera.

Segundo Ricardina Andrade, com a entrada em funcionamento do centro de diálise, o envio de doentes para Portugal "foi descontinuado", mas neste momento é preciso reforçar a capacitação dos "médicos e enfermeiros" a nível local. "Estamos a fazer diálise, mas sabemos que o objectivo de um doente é não depender da diálise. Vamos preparar e dialogar sobre o próximo passo, que é o transplante", disse.

Carlos Martins, presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar Lisboa Norte, considera ser uma ambição natural do hospital e das pessoas que estão a fazer hemodiálises equacionar a possibilidade de realizarem transplantes e com isso terem melhor qualidade de vida.

Entretanto, nenhuma das partes assumiu para já uma data precisa para a realização do primeiro transplante renal em Cabo Verde.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau