NOS KU NOS

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Instituto de Qualidade arranca com o trabalho metrológico de terreno 15 Agosto 2017

O Governo de Cabo Verde, através do IGQPI-Instituto de Gestão de Qualidade e Património Intelectual - enquanto gestora do sistema metrológico nacional, arranca, nesta quarta-feira, com as atividades de controlo metrológico no terreno, a iniciar pelos postos de venda de combustíveis na Capital.

Instituto de Qualidade arranca com o trabalho metrológico de terreno

Conforme diz em nota, esta primeira acção do IGQPI terá lugar no posto de venda de combustíveis da ENACOL, situada em Achada S. Felipe, na Cidade da Praia, a partir desta quarta-feira, 16 de agosto.

Para além das bombas de combustível, outros equipamentos de medição também serão comtemplados nos próximos dias, com destaque para balanças com alcance até 5.000 quilos.

Informa o mesmo instituto que estão também sendo reunidas as condições legais para o arranque efetivo do controle metrológico dos taxímetros, parquímetros, radares de velocidades, pré-embalados, bem como os contadores de água e eletricidade.

«Importa ainda informar que se encontram em preparação, os regulamentos técnicos de controlo metrológico de outros equipamentos de medição tais como: manómetros, termómetros, básculas (balanças para além de 5.000 quilos de capacidade)», refere o documento.

Segundo o IGQPI, com esta acçao pretende-se introduzir melhorias significativas nas relações comercias entre o prestador de serviço/vendedor e o consumidor final, maior exatidão nas medições e, consequentemente, maior segurança, credibilidade e satisfação dos clientes. «Além disso, esta metrologia legal visa disciplinar o mercado e dar combate à concorrência desleal», conclui o IGQPI.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau