NOTÍCIAS

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Instituto do Património Cultural integra a rede para valorização de património mundial 21 Julho 2017

Cabo Verde assinou esta quarta-feira, 19, a Carta de Cooperação para a valorização de património mundial da humanidade. A carta foi rubricada pelo Ministro da Cultura e das Indústrias Criativas, Abraão Vicente, e contou com a presença dos representantes da Douro Generation (associação que trabalha sob a concepção, execução e apoio a programas e projectos que estimulem a preservação, valorização e promoção da riqueza histórica, cultural, ambiental e socioeconómica das regiões) e os técnicos do Instituto do Património Cultural (IPC).

Instituto do Património Cultural integra a rede para valorização de património mundial

Conforme o governo, assinatura do acordo marca a entrada oficial de Cabo Verde na rede que trabalha em prol da valorização de património mundial.

Com este acto, fica clalrificada a estratégia do MCIC em quer colocar Cidade Velha, sítio classificado a Património Mundial da Humanidade pela UNESCO em 2009, no centro da recuperação patrimonial e valorização da memória da história de Cabo Verde. “ Trabalhar em rede e ter a Douro Generation como um dos nossos parceiros acaba por aproximar-nos àquilo que é o nosso potencial histórico de parceria e recuperação”.

Para os signatários do documento, a entrada do Instituto do Património Cultural, entidade responsável pelo património de Cabo Verde, neste círculo, abre portas para um empoderamento desta rede mundial.

A rede arrancou com o projecto de valorização do património cultural em junho do corrente ano. “É um projecto alargado que contribui para estreitar as relações entre os países e tem como objectivo utilizar bem a lista de patrimónios, a classificação e poder contribuir de alguma forma para o desenvolvimento sustentável”, afirmou o vice-presidente da Douro Generation, Hernani Gouveia.

O projecto arrancou em junho de 2017 em Portugal, com a presença de representantes de países que integram esta rede.
A Douro Generation - Associação de Desenvolvimento – foi fundada em 2014 em parceria com a Universidade Trás-os-Montes e Alto Douro e tem por missão fomentar a cooperação entre povos, regiões e nações, através da concepção, execução e apoio a programas e projectos que estimulem a preservação, valorização e promoção da riqueza histórica, cultural, ambiental e socioeconómica das regiões.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau