NOTÍCIAS

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Ministério da Cultura doa mais de 5 mil contos a 58 grupos carnavalescos 12 Fevereiro 2015

O Ministério da Cultura disponibilizou um pacote de 5.500 contos para apoiar 58 grupos de Carnaval de todo o país que vão desfilar na Festa do Rei Momo. O que se quer é conferir maior brilho à festa, elevar a sua qualidade e tornar do Carnaval de Cabo Verde um produto turístico sustentável.

Ministério da Cultura doa mais de 5 mil contos a 58 grupos carnavalescos

São 58 agremiações carnavalescos de todo o país, entre escolas, jardins-de-infância e grupos oficiais que até este momento já beneficiaram deste pacote financeiro. Mas o montante poderá crescer porque há ainda outras associações a solicitar apoio”, afiança Sónia Gonçalves, assessora para as Economias Criativas do Ministério da Cultura. “Não há um valor fixo. Os grupos são avaliados de acordo com o projecto que apresentarem, sua história, afirmação cultural e a grandiosidade do trabalho que pretendem colocar na rua no dia do desfile.”

Tamborim, pandeiro e batucada já invadem as ruas

O toque do tamborim e o rufar da batucada já invadem as ruas de Cabo Verde. Na ilha de São Vicente, como é tradição, os mandingas fazem-se de abre - alas e todos os domingos tomam de assalto as ruas da cidade do Mindelo, para brincar o Carnaval. Entretanto, a folia aquece a partir desta sexta-feira com mais de 50 grupos de todos os bairros da ilha a desfilar no calor da batucada.

A estes juntam-se as escolas do EBI, Liceus, jardins de infância, professores, universidades e outros grupos espontâneos como Mindel Fantasy, que surgem de Ribeira Bote, Espia, Fonte Inês, Fonte Francês, Areia Branca e outras zonas da ilha.

Já na segunda-feira, 16, a Escola de Samba Tropical promete uma explosão de brilho e beleza transformado as ruas da cidade do Mindelo “ no Marques de Sapucaí”. Samba Tropical vai desfilar sob o tema “ A Arte de Representar e as máscaras da Vida”, terá dois carros alegóricos e milhares de foliões entre eles emigrantes que viajaram até Mindelo para participar no Carnaval.

Na terça-feira, dia do desfile oficial, o primeiro grupo a sambar é “Monte Sossego”, que ostenta o título de Campeão do Carnaval do Mindelo de 2014. Com o samba enredo “Monte Sossego Creativity Award ”, o grupo leva três andores e 1800 foliões distribuídos por 24 alas. Em seguida entra no sambódromo o “Flores do Mindelo” com o enredo “ Sou doador de corpo e alma e boa vontade”, uma menagem para mostrar a importância de ser doador. Terá 800 pessoas, divididos por 13 alas e dois andores.

“Vindos do Oriente”, vice-campeão do ano passado, vai levar para as ruas de Mindelo “A Primavera do Faraó “ e promete um desfile colorido com quatro andores, 800 figurantes nas 12 alas. Por último, “o Cruzeiros do Norte” vai apresentar “ O outro lado do espelho” com 1200 foliões destruídos por 27 alas, dois carros alegóricos e uma surpresa.

Festa do entrudo na Praia

Na cidade da Praia a animação carnavalesca começa este sábado, dia 14 de Fevereiro com o desfile dos jardins infantis num só bloco. Ainda no Sábado à noite o grupo Batucassamba promete fazer um desfile colorido com uma homenagem ao “ 40º aniversário da Independência” . Domingo é a vez das escolas do EBI SOS, Eugénio Tavares, Capelinha e Escola Lavadouro assaltarem as ruas da cidade da Praia para brincar o Carnaval. Na terça-feira entram em cena os grupos oficiais: Samba Jó, Estrela da Marinha, Vindos do Mar, Inter Vila, Acarinhar e Vindos de África, vencedor do ano passado.

Sal

Na ilha do Sal a festa do Rei Momo acontece com quatro agremiações. Maravilhas do Sul” sai às ruas com o tema “ Egipto”, “Gaviões” vai desfilar “Magia e Fantasia”. O grupo carnavalesco “Patchè Parlôa”, que completa este ano o seu XI aniversário, traz ao Carnaval 2015 o tema “Viagem ao Futuro”, enquanto o estreante “Salgadinho Doce” vai desfilar “Apocalipse”.

São Nicolau

Na ilha do Chiquinho, o Carnaval faz-se com “Copacabana” e “Estela Azul”, dois tradicionais grupos que prometem honrar a festa do Reio Momo com muito brilho, cor e folia. Mas a festa do entrudo palpita um pouco por todo o país. No Fogo, em Santo Antão, Na Boa Vista, Brava, Maio os cabo-verdianos vão cair na folia, e recuperar as energias com a fartura gastronómica na quarta-feira de Cinzas.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau