ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

País mais prestigiado com a eleição de Janira Hopffer Almada para vice-presidente da Internacional Socialista 17 Julho 2017

Cabo Verde e PAICV estão mais prestigiados no plano externo com a eleição da líder Janira Hopffer Almada ao cargo de Vice-Presidente da Internacional Social (IS), que reúne mais de 150 partidos social-democratas, socialistas e trabalhistas de mais de 100 países do mundo. A escolha de Janira Hopffer Almada para o referido cargo aconteceu durante a reunião do Conselho da Internacional Socialista, que teve lugar nos dias 11 e 12 de Julho de 2017, na sede das Nações Unidas, em Nova Iorque-EUA.

País  mais prestigiado com a eleição de Janira Hopffer Almada para vice-presidente da Internacional Socialista

Para os tambarinas, este acto tem um significado particular, por representar a ascensão ao mais elevado cargo da Internacional Social alguma vez ocupado por um partido político cabo-verdiano. «Este é, inequivocamente, um ganho extraordinário para Cabo Verde, para o PAICV e para a Líder do Partido Africano da Independência de Cabo Verde. É que essa Eleição representa a ascensão ao mais elevado cargo alguma vez ocupado por um Partido Político em Cabo Verde, na arena internacional, e também o mais elevado Cargo que o PAICV já conseguiu, a nível mundial, no seu longo percurso na Internacional Socialista».

Em comunicado, diz o maior partido da oposição que eleição de Janira Hopffer Almada para Vice-Presidente da Internacional Socialista é um grande reconhecimento ao País e ao Partido, em que muito contribuíram o facto de JHA ser das poucas Mulheres, em geral, e em África, em particular, a assumir a liderança de um Partido histórico. «Resulta como o culminar de um percurso que leva o PAICV a ser reconhecido como um grande Partido Político em África, e de reconhecimento mundial, o que também reforça as suas grandes responsabildiades».

Janira Hopffer Almada foi eleita para o Conselho da Internacional Social – órgão máximo entre os Congressos - juntamente com mais três novos Vice-Presidentes, na sua reunião desta semana em Nova Iorgue. São eles, Pedro Sánchez (do PSOE, de Espanha), Shazia Marri (do PPP, do Paquistão) e Bokary Treta (do RPM, Mali).

Multilateralismo pela paz

Conforme a resolução final, o Conselho agiu de acordo com um mandato específico do XXV Congresso para preencher vagas no Presidium da IS, de acordo com os requisitos legais para o equilíbrio de género e regional.

O Conselho aprovou várias resoluções e declarações relativas a itens discutidos nos principais temas da agenda - esteve no centro de debate o fortalecimento do multilateralismo pela paz, reafirmando os valores social-democratas e defendendo a democracia - de uma perspectiva global e situações específicas de interesse para os partidos membros da IS. A próxima reunião do mesmo órgão será realizada em Espanha, a convite do Partido Socialista dos Trabalhadores (PSOE) e seu líder Pedro Sánchez, no final de novembro de 2017.

IS e Millenium Challenge Account

Entretanto, a Internacional Socialista, que tem o estatuto de consultor da ONU, tem desempenhado um importante papel no plano internacional – nos planos económicos, sociais e políticos. Trata-se de uma organização de Partidos Social-Democratas, Socialistas e Trabalhistas que existe, no seu atual figurino, desde 1951. A IS integra, atualmente, 150 partidos, de mais de 100 países de todos os Continentes.

O PAICV confirma que foi admitido na IS durante o Congresso de Berlim, em 1992, com o forte apoio de grandes Partidos Políticos da Internacional Socialista, como o Partido Socialista Francês, o Partido Socialista Português e o Partido Social-Democrata da Alemanha (SPD). Desempenhou um grande papel nesse processo o então Presidente do Partido, Comandante Pedro Pires.

Segundo o comunicado a que este jornal teve acesso, o partido esteve activo no Comité Económico e Social da Internacional Socialista, então dirigido pelo atual Secretário-Geral das Nações Unidas, António Guterres. O referido organismo teve um papel decisivo na influenciação da Administração Americana de Clinton, para a aprovação do que viria a ser o Programa de Cooperação Internacional, conhecido mais tarde por Millenium Challenge Account – Cabo Verde beneficiou, por duas vezes, desse programa nos governos de José Maria Neves.

Mais: o PAICV já assumiu a Vice-Presidência do Comité África da Internacional Socialista e organizou várias reuniões desse Comité em Cabo Verde, trazendo Líderes Africanos e Mundiais ao nosso país, «o que muito contribuiu para reforçar a imagem positiva de Cabo Verde e o prestígio do PAICV na cena internacional». Foi também eleito para o mais exigente Comité da Internacional Socialista, que é o Comité de Ética, que decide sobre as adesões e exclusões da Família Socialista Internacional.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau