ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Presidente da Bolsa de Valores promete nova largada com foco no aumento da liquidez 06 Agosto 2017

Manuel Tavares de Lima, reconduzido a presidência da Bolsa de Valores de Cabo Verde, prometeu ao país uma nova largada da Bolsa de Valores quanto ao mercado de capital cabo-verdiano, com foco no aumento da liquidez e na melhoria da qualidade dos serviços e com os olhos postos na internacionalização da nossa bolsa. O novo Conselho de Administração é composto pelo Presidente, Manuel Tavares de Lima, e pelos Administradores Executivos, Isidoro Gomes e Maria Jaqueline do Rosário.

Presidente da Bolsa de Valores promete nova largada com foco no aumento da liquidez

No seu discurso na tomada de posse, lembra que a Bolsa de Valores de Cabo Verde completa já em 2018, 20 anos da sua criação, por isso, defendeu que é tempo de uma nova largada que será focada no aumento da liquidez como uma das principais metas, a par da modernização. Mais recursos para as empresas, mais oportunidades de aplicação para os investidores, novas oportunidades para as instituições financeiras poderem operar, acesso ao mercado internacional, preços justos no acesso ao mercado, angariar parcerias internacionais, foram, entre outras, algumas das questões que apontou como metas a ultrapassar no domínio do incremento da liquidez à economia cabo-verdiana.

Reconhece igualmente que os desafios são muito, nomeadamente em matéria da regulação alicerçada nas melhores práticas internacionais, o desenvolvimento do mercado secundário, a promoção do país junto dos mercados internacionais, entre outros. Reforçou ainda que, para que o sector vença estes enormes desafios, é importante que todos “estejam no mesmo barco e a remar no mesmo sentido”, a bem da construção e desenvolvimento do mercado de capitais que o país precisa.

Por seu turno, o Ministro das Finanças, Olavo Correia, pediu trabalho e sublinhou que estará atento e a avaliar a performance porque o país está numa encruzilhada e o tempo para imprimir as rupturas é muito curto. Entretanto, manifestou total confiança na equipa, sublinhando que se trata de um Conselho de Administração “tecnicamente capacitado, diversificado e com várias valências”.

O Ministro das Finanças aproveitou para sublinhar a importância que o Governo aloja na modernização do sistema financeiro e na internacionalização do mercado de capitais cabo-verdiano, desígnios que conforme enfatizou, a Bolsa de Valores é um actor crucial. Pelo que Olavo Correia espera atracção de investidores, angariação de fundos de investimentos, captação de poupanças de longo prazo, promoção de obrigações em títulos mobiliários, promoção da literacia financeira, forte aposta na divulgação de toda a informação relativa aos benefícios fiscais e práticas transparentes. Justificou a importância do cumprimento destas metas, com um dos grandes objectivos deste Governo, que é a criação de uma respeitável e internacional Praça Financeira em Cabo Verde.

Na óptica do Ministro das Finanças, este será o caminho para a amplificação das oportunidades de emprego, rendimento e desenvolvimento para todos os cantos deste país, de modo a se eliminar de vez a pobreza absoluta e diminuir consideravelmente a pobreza relativa em Cabo Verde.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau