POLÍTICA

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Presidente da Câmara Municipal de S. Miguel confirma aquisição de um BMW que custou cerca de sete mil contos 21 Agosto 2017

O edil de S. Miguel, Herménio Fernandes confirmou, em comunicado de imprensa, a compra de uma viatura BMW que, segundo ele, custou “6.400.000,70 (58 mil euros)”, “longe dos 80 mil a 120 mil euros inventados” pela imprensa.

Presidente da Câmara Municipal de S. Miguel confirma aquisição de um BMW que custou cerca de sete mil contos

De acordo com o comunicado a que a Inforpress teve acesso, o BMW ST-35-RP, que custou cerca de sete mil contos cabo-verdianos, é uma “viatura de função, destinada ao presidente da câmara”.

A mesma nota acrescenta ainda, que o chefe da edilidade micaelense “vinha usando a sua viatura própria, desde o início das suas funções, dado ao elevado estado de desgaste e de insegurança que a anterior viatura afecta ao presidente se encontrava”.

Segundo o comunicado, o carro foi adquirido mediante através de um “concurso público” e a edilidade optou pela “melhor proposta”, que representou uma “poupança de 2 mil contos à câmara”.

“Como se pode ver, a aquisição foi feita no mercado nacional, em concurso público e respeitou todos os trâmites do concurso e princípios das aquisições públicas”, esclarece a nota, acusando de “falsidades e maldades” as informações a respeito veiculadas pelo jornal online Santiago Magazine.

Diz ainda que este jornal “está ao serviço da contrainformação liderada pela oposição”.

Explica, ainda, o comunicado, que, ao todo, foram adquiridas três viaturas, isto na sequência das “receitas arrecadadas do processo de alienação” de veículos da Câmara Municipal de S. Miguel.

A Câmara, prossegue o documento, “submeteu à Assembleia Municipal a proposta de aquisição de novas viaturas em regime de leasing, proposta esta aprovada por unanimidade”, ou seja, pelos eleitos municipais do Movimento para a Democracia (MpD-poder) e Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV-oposição).

“Mas entende-se perfeitamente todo esse alarido, que tem como propósito desviar a atenção dos trabalhos que estão a ser levados a cabo no município de São Miguel”, conclui o comunicado, indicando que “os munícipes estão atentos, acompanham e avaliam todo o trabalho que está a ser feito no concelho o que vem tirando o sono a muita gente”. Fonte: Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau