SOCIAL

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

S.Filipe: Casal de turistas alemães assaltado na praia de Fonti Bila 21 Julho 2017

Um casal de turistas alemães foi assaltado, por um jovem de 15 anos, esta quinta-feira, 20, na Praia de “Fonti Bila” em São Filipe. A Polícia Nacional já recuperou os pertences do casal. Soube este diário que o assaltante detido pelos agentes da PN estava na posse de outros objectos roubados e que pertencem a um outro casal de turistas, assaltado na última semana na mesma cidade do Fogo. José barros de Pina, mcp “Zitim de Zito” será entregue hoje,21, ao Ministério Público para o apuramento das alegadas responsabilidades criminais.

S.Filipe: Casal de turistas alemães assaltado na praia de  Fonti Bila

Segundo informações da Policia Nacional, os alemães ao tentarem reagir ao assalto, foram agredidos. O assaltante teria utilizado uma faca e um pedaço de ferro para intimidar e agredir o casal.

Tudo aconteceu na Praia Fonti Bila. Entretanto, do Restaurante Seafood, nas proximidades da referida praia, estavam pessoas que viram o facto e accionaram de imediato a Policia Nacional, que respondeu de imediato. Perseguiram Zitim de Zito, que foi apanhado nas proximidades do aeroporto de S.Filipe.

O assaltante levou uma bolsa, que continha máquina fotográfica, telemóvel, uma quantia em dinheiro e outros objectos pessoais do casal. Soube este diário que o assaltante foi detido pelos agentes da Polícia Nacional, ainda na posse de outros objectos pertencente a turistas, que foram também assaltados na última semana na cidade dos sobrados do Fogo.

Zitim é um dos "clientes habituais" da Policia Nacional pela prática de roubos e furtos em várias residências e lojas, em São Filipe.

Esta é uma situação que acontece há alguns anos na Cidade e nos bairros de São Filipe. O número de menores envolvidos no crime, torna-se motivo de preocupação para os sanfilipenses. São na maioria crianças com idades compreendidas entre 10 e 15 anos, que vêm cometendo crimes de varia natureza.

A PN já identificou algumas dessas crianças. Reconhecidos já estão também alguns dos principais aliciadores, que incentivam estes menores ao mundo do crime. Os menores são acusados de actos de vandalismo contra pessoas e bens, bem como de assaltos, com o auxílio e uso de armas branca.

Para além dos casos de roubos e furtos, algumas crianças fazem pedido de dinheiro e comida na rua. Quando não são atendidas, ameaçam às pessoas, dizem as fontes do Asemanaonline.

Nicolau Centeio

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau