SOCIAL

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Tribunal altera medida de coação:Suspeito de violação no Sal fica em prisão preventiva 05 Dezembro 2017

O suspeito de ter violado uma estudante de 13 anos no bairro de Pretória, Sal, em Junho passado, vai esperar o julgamento em prisão preventiva. Com esta decisão, o Tribunal, com base em novas provas laboratórios que acabaram de chegar de Lisboa, altera-lhe assim a medida de Termo de Identidade e Residência que lhe foi aplicada desde o início do caso.

Tribunal altera medida de coação:Suspeito de violação no Sal fica em prisão preventiva

A partir desta segunda-feira, 4 de Dezembro, quando foi apresentado ao Tribunal, o suspeito chamado Ivan vai esperar o julgamento na cadeia. A Polícia Judiciária deteve-o no último sábado, após receber as provas científicas e laboratoriais, examinadas em Lisboa, que não deixam margem para dúvidas que Ivan terá violado a adolescente.

Com isso, o Tribunal valorou as novas provas recolhidas pela PJ e atendeu ao pedido do Ministério Público de mandar para trás das grades esse provável violador que terá consumado o acto dentro de casa da jovem para onde foi levada coagida ao regressar das aulas.

O visado estava sob TIR por ineficiência de provas desde a altura dos factos. A população ficou revoltada com a liberdade do visado e pediu justiça ao caso.

Notícia relacionada: Padrasto que violou enteada com problemas mentais na presença da mãe fica em liberdade: População pede “cabeça” da Procuradora da República

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade






Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau