SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Sal: TIR para mulher acusada de tentar matar rival à catanada 22 Dezembro 2017

O Tribunal do Sal deixou em liberdade, sob Termo de Identidade e Residência,uma mulher de 32 anos, suspeita de tentar matar a rival à catanada no bairro África 70, Espargos, provocando-lhe paralisia no braço. Além de estar proibida de se aproximar da vítima, a agressora viu interditada a saída do país. A agressora deve ainda se apresentar periodicamente às autoridades.

Sal: TIR para mulher  acusada de  tentar matar rival à catanada

Ao que o asemanaonline apurou a mulher foi detido na última segunda-feiraça-feira, com um mandado judicial. A sua apresentação ao Tribunal aconteceu na terça-feira, 19. Pesa contra ela a suspeita de tentativa de homicídio de uma jovem de 28 anos em Maio passado, no Africa 70. Segundo as fontes deste diário digital, uma rixa antiga entre a mulher chamada Janaina e a vítima estaria na origem da agressão.

A mulher agredida, avançou os interlocutores, perdeu o movimento do braço devido a gravidade dos ferimentos. A agressora deve agora espera julgamento sob TIR, que foi reforçada com outras medidas de coação:interdição de saída do país, apresentação periodica às autoridades judiciais e proibição de contactar a vítima

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade
Cap-vert

Uhau

Uhau
Copyrights 2009 ASemana Online | Crédito: AK-Project