NOS KU NOS

A SEMANA : Primeiro di?rio caboverdiano em linha

Gamboa 2013 encerra em grande com o "Líder" Gil Semedo 19 Maio 2013

Quem é rei nunca perde a majestade. O povo não arredou o pé do areal da Gamboa para saudar e aplaudir Gil Semedo. Eram seis da manhã quando o "Líder" subiu ao palco entoando “Fã nº 1”, levando o público ao delírio. Um espectáculo enérgico, numa viagem aos seus antigos êxitos que lhe rendeu o título de rei pop crioulo. O areal foi “inundado” por lágrimas de emoção.

Gamboa 2013 encerra em grande com o

O momento mais alto da segunda noite da 21ª edição do Gamboa foi sem dúvida a actuação de Gil Semedo. Muito acarinhado pelo público, o artista fechou o festival com chave de ouro, relembrando antigos êxitos como: “Fan numero um”, “Maria Julia”, “Suzy” e “Dor”. O público respondeu calorosamente, vibrando a cada música e pedindo ainda mais. Gil não conseguiu esconder sua felicidade e emoção.

Mas a noite arrancou com os residentes cá da terra, os All Star CV. Gabriela Mendes, Ló, Paulinha e Boy Gê Mendes que, pela primeira vez chega a solo para dar um grande show no palco da Gamboa. O Rei do Funaná, Zeca Nha Reinalda, chega no trono e sai com a coroa ao interpretar o tema “Remember the time” de Michael Jackson.

O All Star Cabo Verde não estaria completo se não protagonizasse o tão aguardado dueto Kaká Barbosa X Batchart. Um encontro de gerações e de ritmos completamente opostos: de um lado rap e do outro a música tradicional crioula. Interpretaram o tema “Para, Rapara”, de Kaká Barbosa, escrito especialmente para a ocasião. Os dois negaram as polémicas entre si, mas Kaká Barbosa vai mais longe e acusa os jornalistas de semearem discórdia, chamando a Comunicação de Social de “complicação social”.

Canta Brasil, um grupo brasileiro residente em Portugal, levou para o Gamboa os grandes sucessos actuais da música pop brasileira. O público que já conhece as músicas cantou eufórico. De regresso ao Festival da Gamboa, o angolano Yuri da Cunha foi calorosamente envolvido pelo público da capital. De forma expressiva, o cantor brincou com o publico e até atreveu-se a dar um cheirinho de funaná aos irmãos cabo-verdianos.

Já o coletivo All Star Europa, além de Gil Semedo, levou também ao palco nesta segunda noite do Gamboa 2013 Zé Espanhol, Dina Medina, Chando Graciosa, TLdreamz. Todos energizantes. Pela primeira vez no Gamboa, a dupla TL Dreamz mostrou-se surpreendida com a recepção do público. Loony Johnson e Tó Semedo interpretaram vários temas, entre sucessos mais antigos e músicas do recente álbum Press&Play. Contudo, o ponto alto da actuação foi mesmo o tema “Undi da ki panha”, sucesso do momento. Os TL Dreamz, antes de dar lugar ao Gil Semedo, ainda convidaram ao palco o Zé Espanhol para cantar "Na kintal".

Gil Semedo entrou em grande, por volta das 6h00 da manhã, altura em que a Gamboa estava repleta de gente que queria ver o “líder”. Visivelmente feliz e emocionado, Gil deu um show apreciado por todos e arrancou imensos aplausos de miúdos e graúdos, tanto do público como dos artistas presentes.

O público deu nota positiva à organização, que neste segundo dia conseguiu encher o espaço. A Cruz Vermelha não registou grandes ocorrências, enquanto a Polícia Nacional apreendeu alguns indivíduos que causavam desordem mas, nada de muito aparato. Domingo é dia da Gamboinha, festival dedicado aos mais novos e que prevê a actuação de jovens talentos, no final da tarde.

Geremias S. Furtado

publicidade

100% Prático

publicidade






Mediateca
publicidade




Cap-vert

Uhau

Uhau
publicidade












publicidade













Newsletter