INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

18 anos de prisão para homem que acusou o presidente chinês de ser um "palhaço" a querer passar "por imperador" 23 Setembro 2020

O tribunal do país asiático anunciou, nesta terça-feira,22, que o milionário que criticou directamente o Presidente da China, Xi Jinping, pela forma como geriu a epidemia do novo coronavírus, foi condenado, a 18 anos de prisão.

18 anos de prisão para homem que acusou o presidente chinês de ser um

Ainda conforme escreve a lusa, Ren Zhiqiang deixou de ser visto em público, em Março, depois de ter publicado um ensaio na Internet, no qual se referiu ao chefe de Estado chinês e secretário-geral do Partido Comunista da China (PCC) como um "palhaço que vai nu", mas "determinado a passar por imperador".

Sob a direcção de Xi, o PCC voltou a entrar na vida política, social e económica da China, enquanto o poder se centrou na sua figura, abdicando do processo de consulta colectiva estipulado por Deng Xiaoping, o arquitecto-chefe das reformas económicas que abriram a China ao mundo nos anos 1980.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project