01.NOTÍCIAS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

$676 milhões de arte "para cada um" no divórcio do casal com maior coleção 17 Novembro 2021

As telas ’9 Marilyns’ de Andy Warhol, ’Nº17’ de Jackson Pollock e ’Nº7’ de Mark Rotko, a escultura ’O Nariz’ de Giacometti estão entre as 35 peças leiloadas ontem (2ªfª, 15) em Nova Iorque. Está cumprida a primeira parte da ordem dada pelo tribunal que finalizou o divórcio do construtor imobiliário Harry Macklowe, de 79 anos, e da curadora do Museu Guggenheim, Linda Burg, de 78 anos em 2018. O leilão da segunda tranche da "maior coleção privada de arte" está agendado para a próxima primavera.

A coleção Macklowe — de sete dezenas de peças de arte contemporânea — é notícia também nos principais jornais de economia. Em especial pela disputa em torno dessa coleção de arte, avaliada em cerca de 1,4 bilião de dólares. Na hora da biliosa separação, ao fim dum casamento de seis décadas (1959-2018), Linda ex-Macklowe, "que sempre controlou a coleção", "não quis abrir mão". Só a força da lei levou à divisão, através de leilão em duas tranches, a deste 15-11 e a próxima na primavera de 2022.

O primeiro leilão atingiu os 676 milhões de dólares, uns quinze por cento acima das previsões iniciais da leiloeira Sotheby’s. A expectativa é que em abril o leilão das demais peças atinja um valor aproximado.

Os compradores ficaram no anonimato, mas a Sotheby’s revelou que "as maiores arrematações vieram da Ásia". "As duas peças com valores mais altos (fotos) foram compradas à distância por colecionadores da Ásia".

A tela "Número 17" de Jackson Pollock foi vendida por 61 milhões de dólares (c.5,4 mil milhões CVE). A leiloeira afirmou tratar-se do "preço mais alto de sempre" numa licitação por uma obra do pintor contemporâneo americano.

A arrematação da terceira obra mais cara, a "Número 17" — pintada em 1951, é uma das chamadas "Pinturas Negras" da fase do expressionismo abstrato pollockiano — desencadeou os aplausos dos participantes no leilão. Mais de duzentos convidados na primeira abertura presencial da Sotheby’s em tempo de pandemia.

A arrematação mais alta foi para a pintura abstrata de Mark Rothko: 82,5 milhões (7.260 milhões CVE). Frustraram-se as previsões de que o valor mais alto fosse para a escultura de Giacometti, Le Nez, que se quedou pelos 68 milhões (5,9 milhões de contos). (Fotos legendadas).

As obras pop-art "Nine Marilyns" (1962) e "Sixteen Jackies"(1964) , de Andy Warhol, atingiram os $47,3 e 33,8 em milhões de dólares (4,624 milhões e três milhões de contos) respetivamente.
— -

Fontes: WSJ/Bloomberg/Artnet.com. Fotos (Getty): O maior edifício residencial "do mundo" — afinal é só do Hemisfério Norte e a Ocidente — no nº 432 da Park Avenue, Manhattan, ficou para Harry Macklowe. Uma vitória na divisão patrimonial — com dois biliões a cada — que o octogenário celebrou mandando revestir o seu ícone imobiliário com um poster de 650 metros com as fotos a preto e branco dele e da nova mulher, no dia do casamento, em 2019. Ela é a presidente do Museu da Association des Amis Français du Musée d’Israel/Associação dos Amigos Franceses do Museu de Israel, a francesa Patricia Landeau, de 61 anos.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project