LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Acidente na fábrica de alumínio da Mozal em Maputo deixa dois mortos e um ferido 08 Novembro 2022

Dois trabalhadores morreram e um ficou ferido, na segunda-feira, na fábrica de alumínio da Mozal, sul de Moçambique, quando operavam uma grua, disse hoje à Lusa fonte oficial.

Acidente na fábrica de alumínio da Mozal em Maputo deixa dois mortos e um ferido

“Os trabalhadores estavam num serviço de manutenção e a plataforma em que estavam desprendeu-se, tendo os três caído. Dois perderam a vida e outro ficou ferido, estando agora hospitalizado”, afirmou Alberto Sambo, inspetor-geral do Trabalho.

Das vítimas do incidente, que ocorreu às 19:45 de segunda-feira, conforme indicou a Lusa, dois eram trabalhadores da Mozal e um era funcionário de uma empresa subcontratada que presta serviços à fábrica de alumínio localizada na Matola, província de Maputo.

O Ministério do Trabalho e Segurança Social destacou uma equipa para investigar o acidente, acrescentou Alberto Sambo.

“A inspeção está lá para verificar as reais causas do acidente e, uma vez identificada a causa, é preciso que se veja a questão da responsabilização. Mas também pode dar-se o caso ter sido culpa dos próprios trabalhadores. Por agora, vamos fazer a investigação para perceber o que se terá passado”, explicou.

A Lusa tentou falar com a empresa, que ainda não se pronunciou.

A Mozal é um consórcio internacional que opera na fundição de alumínio desde 2000, na província de Maputo, sul de Moçambique, produzindo essencialmente para exportação.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project