INTERNACIONAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Alemanha prende espião inglês ao serviço da Rússia — Berlim volta aos tempos da guerra-fria? 14 Agosto 2021

As autoridades alemãs anunciaram na quinta-feira a detenção de David S., funcionário da embaixada do Reino Unido em Berlim, que é suspeito de ter passado documentos aos Serviços Secretos russos, "pelo menos uma vez" e em troca de "um montante ainda desconhecido".

Alemanha prende espião  inglês ao serviço da Rússia — Berlim volta aos tempos da guerra-fria?

O ministro dos Negócios Estrangeiros anunciou em conferência de imprensa que a detenção resultou de uma operação conjunta britânico-alemã — que envolveu a famosa MI5 — e frisou que o caso está a ser tratado "muito seriamente".

"A espionagem contra um aliado tão próximo em solo alemão é de todo inaceitável e estamos solidários com os nossos amigos britânicos", disse Heiko Maas.

A Polícia Metropolitana de Londres confirmou que o seu departamento de Combate ao Terrorismo contribuiu para a detenção do homem de 57 anos, um contratado local, sem imunidade diplomática.

A investigação prossegue sob a responsabilidade das autoridades alemãs e conta com a participação da polícia inglesa.

Os documentos objeto de espionagem relacionam-se com o contraterrorismo, segundo avançou esta sexta-feira o online alemão Focus.

Berlim volta aos tempos da guerra-fria? A capital alemã foi o epicentro da espionagem nos anos de 1960 a 1989, com espiões em busca de segredos de Estado na cidade dividida pelo Muro.

Fontes: BBC/DW.de. Foto (Getty): Embaixada do Reino Unido em Berlim. O lema "Dieu et mon droit/Deus e o meu direito" (do grito de guerra do rei Ricardo) permanece, reminiscência do tempo em que o inglês não suplantara o francês como a língua histórica da diplomacia.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project