AMBIENTE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Alerta: Cabo Verde na iminência de ser atingido por tempestade tropical nas próximas horas 15 Outubro 2019

Cabo Verde deve estar de alerta para a possibilidade de ser atingido, entre a noite desta segunda feira e durante a terça-feira, por uma tempestade tropical forte, com chuva e ventos, podendo afetar sobretudo as ilhas orientais – Sal, Boa Vista e Maio. Este aviso parte do Centro Nacional das Furações dos Estados Unidos ( National Hurricane Center –NHC, na silga em inglês), que já foi retomado pelos serviços da Meteorologia e Geofísica de Cabo Verde e pelo Instituo Marítimo e Portuário.

Alerta: Cabo Verde na iminência de ser atingido por tempestade tropical nas próximas horas

Conforme o alerta emitido pelo CHN, o tempestade tropical forte (ver foto) que pode atingir as ilhas de Cabo Verde está previsto para hoje,14, e amanhã, terça-feira. «Novas depressões tropicais formam a sudoeste das ilhas de Cabo Verde. Chuvas pesadas esperam cair através das ilhas orientais – Sal, Boa Vista e Maio», lê-se no boletim meteorológico emitido pelo referido centro, que prevê ainda a queda de precipitações nas ilhas de Santiago e Fogo.

O Centro Nacional das Furações faz questão de descrever que esta depressão tropical vai movendo no sentido este-noroeste, podendo trazer “mar revoltoso, vento muito forte e possibilidade de chuva forte.”

IMP interdita saída de embarcações

Diante do alerta referido por causa da previsão do mau estado do tempo nos próximos dois dias, o Instituto Marítimo e Portuário (IMP) interditou hoje,14, a saída de embarcações de pesca no país, durante as próximas horas. Esta interdição estende-se a botes e pequenas embarcações de boca aberta.

De acordo com uma nota divulgada pelo IMP a que a Inforpress teve acesso, nas próximas 24 horas, o vento estará fresco a muito fresco com rajadas ocasionais, e ondulação de 1,5 a 3,0 e de 2,5 a 4,0 metros.

O IMP aconselhou ainda a “redobrada atenção” aos navios ancorados na baía do Porto Grande e nas imediações dos estaleiros da Cabnave para se “reforçar as amarras dos navios e aumentar a vigilância” e um “monitoramento constante” da posição em que se encontram ancoradas, enquanto se mantiverem estas condições do tempo.

De um modo mais geral, o Instituto Marítimo e Portuário (IMP) recomendou também os moradores e condutores que circulam em zonas próximas da orla costeira – em todas as ilhas de Cabo Verde - a uma “atenção redobrada” e que “sigam à risca todas” as instruções das autoridades “até que a situação normalize”. O importante é que todos estejam de alerta perante eventuais situações de emergências, colaborando com os serviços da protecção civil.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau

blogs

publicidade

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project