AMBIENTE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Ambiente: Projeto REFLOR-CV promove acção de formação em Produção de Plantas Florestais e Gestão de Viveiros em Cabo Verde 07 Dezembro 2019

O Projecto “Reforço da capacidade de adaptação e resiliência no setor florestal em Cabo Verde” (Reflor-CV) realiza ações de formação em Produção de Plantas Florestais e Gestão de Viveiros em Cabo Verde. O evento, que acontece de 09 a 13 deste mês, no Parque Natural de Serra Malagueta, em Santiago, tem como destinatários membros das Associações Comunitárias com protocolos assinados com a FAO no âmbito do projeto REFLOR-CV.

 Ambiente: Projeto REFLOR-CV promove acção de formação em Produção de Plantas Florestais e Gestão de Viveiros em Cabo Verde

De acordo com a organização, esta ação visa capacitar os formandos de modo a fazerem da produção de plantas em viveiro uma atividade geradora de rendimentos. Tem por objetivos específicos dotar os formandos de conhecimentos teóricos e práticos em técnicas de produção de plantas, identificar, tratar e recolher sementes, bem como capacitar os formandos a planificar e gerir as atividades de viveiros.

A acção terá duas componentes (teórica e prática) e destina-se aos membros das Associações Comunitárias com protocolos assinados com a FAO, no âmbito do projeto REFLOR-CV.

Recorede-se que o Projecto “Reforço da capacidade de adaptação e resiliência no setor florestal em Cabo Verde”, denominado “REFLOR-CV”, é do Governo de Cabo Verde, através do Ministério da Agricultura e Ambiente, financiado pela União Europeia no montante de cinco milhões de euros, cuja execução cabe à FAO num período de quatro anos (2017-2021).

A intenção, segundo a REFLOR-CV, é aumentar a resiliência e a capacidade de adaptação às alterações climáticas das comunidades rurais, promover a gestão participativa da floresta contra a desertificação, contribuir em 10% para o compromisso nacional de florestação e preservar a biodiversidade, diminuindo a perda de habitat e incentivando a regeneração natural dos ecossistemas terrestres. "A área prevista de intervenção/florestação é de pouco mais de 1000 hectares nas ilhas de Santiago, Fogo e Boa Vista.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project