ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Anil Ambani em menos de dois meses cai de bilionário a falido 09 Fevereiro 2020

O tribunal de Londres condenou, na sexta-feira, o empresário indiano Anil Ambani a pagar 100 milhões dos 700 milhões que três bancos estatais chineses lhe emprestaram em 2012. O empresário de sucesso, que fez a pequena empresa têxtil fundada por Dhirubhai Ambani em 1957 sob a designação Reliance Industries, crescer até se tornar num dos mais importantes conglomerados empresariais da Índia, tinha entrado com um pedido de bancarrota, desde julho último, mas continuou até ao final do ano a figurar na lista de multimilionários da Forbes. Em tribunal, neste início de fevereiro, Anil declarou que a ’Reliance Industries’, que o ano passado valia mais de 50 "biliões" de dólares americanos, agora vale...zero.

Anil Ambani em menos de dois meses cai de bilionário a falido

“O valor dos meus investimentos caiu. E os bens que ainda possuo pode dizer-se que valem zero”, disse Anil Ambani, de 60 anos, a justificar porque é que não podia quitar a dívida de setecentos milhões de dólares que pedira emprestados em 2012 a três bancos chineses.

O processo legal julgado na sexta-feira, 7, no Tribunal do Comércio de Londres, opunha três bancos chineses de capital estatal que emprestaram 925 milhões de dólares à Reliance Communications Ltd. em 2012 com a garantia de que os bens pessoais de Ambani serviriam de garantia.

O juiz David Waksman todavia condenou Ambani a pagar o equivalente a cem milhões de dólares no prazo de seis semanas.

Até ao ano ora findo, os Ambani — os irmãos Mukesh e Anil, que receberam quotas iguais na Reliance Industries, quando em 1986 o pai Dhirubhai teve o seu primeiro AVC de que viria a morrer em 2002 — com uma fortuna de $52,3 ‘biliões’ de dólares (americanos), estavam no Top-10 dos mais ricos do mundo. Mukesh com 60 ‘biliões’ de dólares continua a figurar em 2020 como o homem mais rico da Ásia.

Fontes:Times of India/Economic Times/ https://www.onlinefinancenews.com/one-time-billionaire-anil-ambani-says-hes-now-worth-nothing/. Foto: Anil e Tina Ambani.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project