AUTÁRQUICAS 2020

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Autárquicas 2020/Boa Vista: Sergio Corrá avalia “negativamente” a câmara com uma “gestão danosa” 11 Outubro 2020

O cabeça da lista do Partido Popular para a Assembleia Municipal da Boa Vista avaliou “negativamente” o trabalho da equipa camarária nestes últimos quatros anos, e sustenta que teve uma “gestão danosa” para com a autarquia boa-vistense.

Autárquicas 2020/Boa Vista: Sergio Corrá avalia “negativamente” a câmara com uma “gestão danosa”

Sergio Corrá fez estas considerações hoje à Inforpress, após concluir o primeiro dia de arranque da sua campanha porta-a-porta na Boa Vista, mais concretamente em Rabil, bairro de Boa Esperança e cidade de Sal Rei.

“A avaliação de nestes últimos quatros anos infelizmente é negativa porque tudo o que foi prometido deste grupo pseudo-independente Basta, era mesmo basta da gestão danosa da parte da câmara gerida pelo MpD, José Pinto”, ironizou o empresário.

Este candidato de origem italiana avançou ainda que a sua propaganda política é feita também em sistemas móveis de cartazes, carros eléctricos e bicicletas, preferindo a sua equipa “não continuar a sujar a cidade de Sal Rei.

Sobre a cidade boa-vistense, o mesmo considera que “se fez um pequeno passeio na entrada da cidade”, que alegou “chamaram de artístico, mas que disso não tem absolutamente nada”, sob o orçamento que, “custou uma fortuna”.

Para a mesma fonte, a situação do lixo ficou na mesma, com um sistema de recolha porta-a-porta que, “somente cria problema aos cidadãos”.

“É lamentável todas as áreas que foram vendidas, principalmente no Estoril e na praia de Cabral. A câmara mesmo nos últimos quatro anos não investiu nenhum tostão, e são todas áreas que pagam muito de imposto patrimonial”, afirmou o candidato a lista do Partido Popular.

No domingo, a equipa da lista do Partido Popular para a Assembleia Municipal vai estar a apresentar as suas propostas à comunidade de Estância de Baixo, e na quinta-feira e sexta-feira, 16, desloca-se a norte da ilha para continuar a caminhada de campanha eleitoral, rumo as eleições autárquicas de 25 de Outubro.

Dois candidatos concorrem para a presidência da Câmara Municipal da Boa Vista, sendo José Luís Santos, nas listas do MpD, que concorre à sua própria sucessão, e Cláudio Mendonça, nas listas do PAICV, e o Partido Popular, que apresentou uma lista somente para a assembleia municipal, encabeçada por Sergio Corrá.

Para as eleições do dia 25 de Outubro, na Boa Vista estão inscritos 8.140 eleitores (em 2016 o número de inscritos era de 6.826, dos quais 4.340 votaram).

Nas autárquicas de 2016, na ilha da Boa Vista concorreram três candidatos, José Luís Santos (Basta), que ganhou a com câmara 57,56% dos votos, José Pinto Almeida (MpD), que obteve 30,60 % dos votos, e José Henrique Cruz (PAICV), com 10,32 % dos votos.

A nível nacional, participa na corrida um total de 65 candidatos, sendo 22 do MpD, 22 do PAICV, sete da UCID, dois do PP (um no município da Praia e um para Assembleia Municipal na Boa Vista) e mais 12 candidatos independentes que disputam as câmaras municipais da Ribeira Grande (1), de Santa Catarina (1), São Domingos (1), Tarrafal de São Nicolau (1), Sal (1) Tarrafal de Santiago (2), Praia (4) e São Vicente (1). A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project