ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Autárquicas 2020: Candidata independente diz que um “djunta mon” fará de Praia um “espaço de sonho” 29 Agosto 2020

A candidata independente para a Câmara Municipal da Praia, Ana Rita Reis, disse hoje que com um “djunta mon” se conseguirá, “de certeza”, fazer com que Praia seja um “espaço de sonho”, onde “toda gente gostaria de morar”.

Autárquicas 2020: Candidata independente diz que um “djunta mon” fará de Praia um “espaço de sonho”

Ana Rita Reis falava à Inforpress e à Rádio de Cabo Verde momentos antes da apresentação pública desta candidatura apoiada pela Liga da Sociedade Civil, cujo lema é “Paz, equidade e desenvolvimento” e o slogan “Junt@s construímos sonhos, por uma Praia melhor e inclusiva”.

“Um grupo de cidadãos achou que deveria haver uma mulher a gerir a Câmara Municipal da Praia. Mas também uma mulher que tem estado a dar contributo na sociedade, sobretudo no âmbito da educação, formação e emprego e inserção de jovens”, explicou.

Segundo Ana Rita Reis, também conhecida como Any Reis, o grupo reviu nela “uma possível pessoa” que, eventualmente, caso seja eleita, irá “colmatar alguns desafios”.

“Então estamos aqui juntos, homens e mulheres, para arregaçar as mangas e fazer com que alguns desafios gritantes no nosso País, mas sobretudo na Cidade da Praia, sejam pelo menos minimizados”, acrescentou.

A mensagem é, segundo a candidata, ”de esperança”, mas, acima de tudo, “de paz e equidade” para que haja um desenvolvimento a nível geral.

Além disso, Ana Rita Reis informou que a sua candidatura irá levar uma mensagem de alento, porque actualmente a situação “não está fácil”, pelo que “não se pode desistir nunca face às adversidades”.

“Temos de lutar porque a terra é de todos nós. Praia é de todos nós. Fazendo um “djunta mon” conseguiremos, de certeza, fazer com que Praia seja um espaço de sonho, onde toda gente gostaria de morar”, prosseguiu.

Anny Reis disse ainda que o “maior desafio” tem a ver sobretudo com as jovens, já que, como explicou, há um número “muito grande” de jovens que estão actualmente desempregados, o que acarreta, no seu ponto de vista, “vários problemas sociais”.

“Defendemos que se dê prioridade à educação e formação para que estes acabam por ingressar no mundo do trabalho. Tendo os jovens engajados, já é mais fácil”, enfatizou Anny Reis, afirmando que há também outros projectos.

Exemplificando, citou a questão da habitação condigna, promoção das camadas mais vulnerável, melhorias na questão de abastecimento de água e saneamento e “um conjunto de coisas que, aliadas às tecnologias de informação e comunicação e sobretudo com a cooperação internacional”, a plataforma acha que conseguirá levar Praia “ao melhor porto”. A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project