AUTÁRQUICAS 2020

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Ulisses Correia e Silva alerta para importância do trabalho dos autarcas em tempo de pandemia 05 Outubro 2020

O presidente do Movimento para Democracia (MpD), no poder) disse domingo, 04, no Mindelo, que “nunca o trabalho dos autarcas foi tão importante na vida da Nação”, defendendo que se as crises existem as respostas “são muito locais”.

 Ulisses Correia e Silva alerta para importância do trabalho dos autarcas em tempo de pandemia

Ulisses Correia e Silva, que falava durante Convencção Autárquica do MPD, que aconteceu num dos hotéis em São Vicente, disse que se está perante uma crise sanitária económica e social grave e lembrou que “nunca Cabo Verde esteve com este desafio nas mãos”.

Mas, o político, que é também primeiro-ministro, garantiu que está “empenhado na gestão da crise” que atinge o País e “em dar o máximo” para responder à situação actual, protegendo, em primeiro lugar a saúde, o emprego e assegurar o cuidado a pobres mais vulneráveis.

“Temos uma agenda forte, orientada para aceleração de transformações estruturais que devem adaptar o País ao novo contexto mundial pós -covid-19. Vamos sair mais fortes da crise, voltar a crescer, voltar a dinamizar a economia, a gerar empregos e a melhorar os rendimentos das famílias. Temos um grande compromisso com do País”, afirmou Ulisses Correia e Silva para uma plateia de militantes e simpatizantes do seu partido.

O mesmo lembrou que os cidadãos também têm “um grande compromisso” de se protegerem e de proteger a saúde dos familiares mais velhos, dos amigos, e de fazer tudo para se protegerem, evitar a propagação e o contágio do novo coronavírus. Isso, sintetizou, para proteger também a economia, o emprego e o rendimento.

“Nunca o comportamento individual de cada um de nós foi tão importante nas nossas vidas”, sustentou Ulisses Correia e Silva, alertando também sobre a importância do trabalho dos autarcas, que, referiu, têm responsabilidades nas casas, nas famílias, e na governação local com “uma boa parceria com o Governo”.

Por seu lado, o coordenador da Comissão Nacional das Autárquicas do MpD para as eleições do dia 25, António Maurício, fez um discurso com foco mais na articulação entre o Governo e as câmaras municipais e com as eleições autárquicas.

Segundo António Maurício estão “num momento de balanço” em que “o trabalho dos candidatos autárquicos vai ser avaliado” pelas populações locais e “o trabalho do Governo vai estar sob avaliação”.

Isto porque, sustentou, “uma vitória do MpD nestas autárquicas significa também uma vitória do Governo” que teve “a coragem e o discernimento” de iniciar esta nova etapa no relacionamento com os municípios e numa “nova forma de governar”.

O político recordou ainda que estas eleições vão acontecer num momento “particularmente difícil” para Cabo Verde e para o mundo, devido à pandemia da covid-19.

Mas regozijou-se com o facto de o MpD estar a participar nessas eleições com listas próprias em todos os 22 municípios

“Somos um partido com forte tradição autárquica, temos os melhores candidatos, com provas dadas ao longo de várias décadas e onde coexistem veterania e juventude, temos as melhores propostas e vamos disputar as eleições em todos os municípios com objectivo claro de ganhar”, garantiu.

Quem também discursou foi o candidato do MpD à Câmara de São Vicente, Augusto Neves, que falou em nome de todos os outros candidatos do partido e apelou “à união de todos para a vitória nas autárquicas de 25 de Outubro”.

A Convenção Autárquica do MpD teve transmissão online e foi acompanhada pelos candidatos do MpD noutros concelhos do País. Também contou com a participação do presidente da Câmara Municipal de Cascais, Portugal, Carlos Carreira, que fez uma intervenção online. A Semana com Inforpress

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project