REGISTOS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Aventureira do Antárctico bate recorde de ski: 2045 km sob -50ºC 24 Agosto 2018

"Aventureira" usa-se nos dois sentidos. A francesa Stéphanie Gicquel distinguiu-se pelo sentido positivo: é a primeira a percorrer dois mil e quarenta e cinco quilómetros do Polo Sul a esquiar.

Aventureira do Antárctico bate recorde de ski: 2045 km sob -50ºC

Stéphanie e Jérémy, o marido, formaram a expedição "Across Antarctica" que entrou no Guiness por ter completado o percurso de mais de dois mil quilómetros em 74 dias.

Foi em 2015 que, ao lado do marido, Stéphanie registou essa façanha obtida sob temperaturas de 50 graus negativos e a enfrentar ventos extremos.

Stéphanie, a exploradora, de 35 anos, detém ainda o recorde de ter sido a primeira francesa a correr uma maratona à volta do Polo Norte.

A outra está ilustrada no tele-evangelismo do Brasil

“Aventureira” tem dois sentidos principais, hoje, desenvolvidos ao longo dos tempos.

Além do sentido acima, que destaca o impulso humano que leva ao avanço individual e civilizacional, existe outro.

O sentido negativo, o de quem vive de expedientes. No feminino, a mulher que destrói a harmonia familiar ao seduzir o chefe da família tradicional, é um dos tópicos frequentes do tele-evangelismo do Brasil.

Num canal pago, um pastor adverte sobre "o homem que leva a vida toda a construir a sua riqueza ao lado duma guerreira para a acabar ao lado duma aventureira". E não é que rima?

Fonte da notícia: https://www.lexpress.fr/actualite/sport/stephanie-gicquel-aventuriere-de-l-extreme_2031160.html

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade



Mediateca
Cap-vert

blogs

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project