DESPORTO

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Beijing’22: Ômicron ameaça Olimpíadas de Pequim de fevereiro 05 Dezembro 2021

O surto mundial de Ômicron é a mais recente ameaça para os Jogos Olímpicos de Inverno a realizar entre 04 e 20 de fevereiro na capital da China. Três mil atletas a competir em 109 modalidades, sete delas novas e 12 são eventos sobre o gelo, afirma confiante o NOC, o Comité Olímpico da China que organiza.

 Beijing’22: Ômicron ameaça Olimpíadas de Pequim de fevereiro

A organização pelo Comité Olímpico da China é também um recorde, o de ser o único comité olímpico nacional que organiza duas Olimpíadas: a de Verão em 2008 e a de Inverno que terá lugar em Pequim/Beijing dentro de dois meses.

Porém, o surto mundial de Ômicron é a mais recente ameaça para o sonho secular de ter as Olímpiadas de fevereiro na cidade multimilenar. A nova variante do SARS-CoV2 é a mais recente ameaça aos Jogos Olímpicos de Inverno. É só mais uma ou será aquela que pode determinar a realização ou suspensão do certame?

Outra ameaça: o boicote pedido por 180 organizações alegando a violação de direitos humanos, designadamente sobre as minorias étnicas. Entre estas, os uigures que reunidos há dias no seu congresso anual apodaram o evento de Olimpíadas do genocídio.

Fontes: Japan Times/Times of India/.xinhuanet.com. Fotos: (à esqª): Os desafios ao Beijing’22; (à dtª):A confiança.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project