SOCIAL

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Boa Vista: Associação alarga campanha regresso à escola até o fim do ano lectivo 2020/2021 25 Setembro 2021

A Associação Grupo Jovens Solidários da Boa Vista (AGJSBV) vai alargar a campanha regresso à escola até final do ano lectivo 2020/2021 e estendê-la a outros povoados da ilha da Boa Vista.

Boa Vista: Associação alarga campanha regresso à escola até o fim do ano lectivo 2020/2021

O presidente da associação, Lamine Fati, segundo escreve Inforpress, avançou que já foram entregues 65 kits escolares no bairro de Boa Esperança e considerou que a campanha está a decorrer de “forma lenta mas boa”, em recolhas e apoios.

Este projecto solidário, segundo o dirigente associativo, foi criado no ano lectivo 2019/2020 para ajudar pais com dificuldades na aquisição de materiais escolares para os filhos, derivada das fragilidades económicas, advenientes e provocadas pela situação da pandemia da covid-19.

“Neste momento estamos numa fase de distribuição, tendo já entregue sessenta e cinco kits escolares às crianças do bairro de Boa Esperança, assim como também partilha de roupas e calçados para famílias, exceptuando manuais e livros”, afirmou, almejando entretanto até final do ano lectivo conseguir ajudar um maior número de famílias.

Ainda segundo acrescentou o dirigente, a AGJSBV objectiva alargar a distribuição a todos os povoados, tendo já planos para, na próxima semana, iniciar a entrega destes donativos em outras zonas da ilha, cita Inforpress.

O dirigente associativo disse ainda que precisam aumentar as ajudas e apoios de parceiros, de entidades, instituições e empresas, assim como particulares, para alcançar as metas traçadas. Ao mesmo que relembrou que, no ano passado, tiveram ajuda da Caboeólica para efectuar uma campanha do género, mas que aguarda resposta de parceria para este ano, bem como a da Ficase, para englobar a instituição no projecto.

A campanha, que abrange crianças do Ensino Básico Obrigatório, conforme a mesma fonte, será estendida até ao final do ano lectivo, pelo que, explicou Lamine Fati, mediante apoios e parcerias conseguidas na aquisição de materiais escolares procederão com as entregas.

Mas mesmo quando cessar a situação pandémica, o presidente da AGJSBV garantiu que a campanha terá continuidade, com foco nas crianças do Ensino Básico Obrigatório.

No entanto, lamentou não conseguir abranger as escolas do ensino secundário, tendo em conta as exigências na quantidade e diversidade de materiais escolares desta fase estudantil.

O presidente da associação AGJSBV reiterou o apelo às ajudas e parcerias para continuidade do projecto de campanha de recolha e entrega de materiais escolares.

Inforpress ainda explica que, Lamine Fati adiantou ainda que a AGJSBV pretende abrir, em Outubro, uma biblioteca comunitária, localizada na sede da associação no bairro de Boa Esperança, onde, além de livros, mais tarde, em meados de Novembro, haverá computadores e acesso à internet.

A AGJSBV já distribuiu também a 90 famílias roupas e calçados para crianças, jovens e idosos, proveniente de um contentor que recebeu materiais de voluntários de Portugal e da Holanda, para o projecto da biblioteca comunitária.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project