ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Boa Vista: Centro da Juventude realiza sessão de debate sobre negócio e empreendedorismo 10 Dezembro 2020

Dezanove jovens reuniram-se no salão nobre da Câmara Municipal da Boa Vista para apresentar as suas ideias de negócio e de empreendedorismo na primeira sessão de debate realizada na ilha da Boa Vista.

Boa Vista: Centro da Juventude realiza sessão de debate sobre negócio e empreendedorismo

Consoante escreve a Inforpress, o Centro da Juventude da Câmara Municipal da Ilha da Boa Vista foi o palco da primeira sessão de ‘brainstorming’, expressão inglesa para debate ou “chuva de ideias”, sob o tema empreendedorismo, projectos e ideias empreendedores, para no final deste projecto se seleccionar três projectos a serem financiados.

Os participantes, divididos em seis grupos, trocaram ideias sobre projectos que poderão ser desenvolvidos na ilha, na maioria ligados ao turismo, hotelaria, tecnologia e educação, seguidamente fizeram as apresentações.

Posteriormente, cada um expôs as experiências a nível laboral e os projectos pessoais que pretendem desenvolver.

“Nesta primeira sessão pretendeu-se procurar saber qual seria o balanço e a resposta dos participantes para saber como é que na fase seguinte se irá começar a desenvolver os projectos, coloca-los no papel e apresenta-los a outros parceiros, potenciais financiadores dos mesmos” explicou o director do Centro da Juventude, Rui Lima.

O director adiantou que na fase três, denominada “Jovem empreende”, haverá um processo de selecção e o júri irá seleccionar no mínimo os três melhores projectos a serem financiados pela Câmara Municipal da Boa Vista e os potenciais parceiros.

“O projecto vai passar por varias fases em que os participantes vão definir as ideias de projecto, e após esta fase vamos avançar para o próximo passo que será gerar e planear ideias de negócio para fazer um estudo de viabilidade”, ressaltou o mesmo.

Ainda segundo a mesma fonte o número de projectos seleccionados poderá ser maior dependendo da resposta dos parceiros, potenciais financiadores deste projecto e do orçamento da Câmara Municipal para o próximo ano.

Isto porque, conforme indicou, a Câmara Municipal da Boa Vista está a certificar e a elaborar o orçamento para o próximo ano, daí avançar que vai apresentar esta proposta a fim de ver o que poderá ser implementado, reaproveitado neste projecto e se poderá encaixar ou não no orçamento da autarquia para 2021.

Dízio Ferreira, convidado para conversar com os participantes sobre a sua experiência como empreendedor na área de recursos humanos, administração e recrutamento, e avaliar também esta primeira sessão, classificou a mesma de “iniciativa louvável”.

“Neste evento deu para aperceber que os jovens têm muitas ideias, há muitos projectos e acho que que temos que apostar neste tipo de formação para ajudar os mais novos a abrirem a mente e para verem que tem potencialidade e sobretudo apostar neles mesmos”, avaliou Dízio Ferreira.

Para a fonte, este tipo de projectos incentiva e mostra aos jovens que é possível serem independentes através das suas ideias de negócio e não ficarem dependente de serviços do Estado ou trabalhar por conta de outras pessoas.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project