ACTUALIDADE

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Boa Vista: Passageiros de voo internacional com destino à Praia ficam retidos no aeroporto Aristides Pereira 26 Dezembro 2021

Os passageiros que chegaram da Europa, no sábado, com destino à cidade da Praia ficaram retidos no aeroporto internacional Aristides Pereira, na Boa Vista, depois de verem cancelado o voo da BestFly Sal Rei/Praia.

Boa Vista: Passageiros de voo internacional com destino à Praia ficam retidos no aeroporto Aristides Pereira

Segundo a Inforpress, o grupo de passageiros contactou a imprensa, dizendo que se encontrava no Aeroporto Internacional Aristides Pereira desde as 11:00 e que tinham passagem da BestFly para seguirem viagem às 15:15 no voo CV 442 com destino à cidade da Praia.

Uma das passageiras Ana Sofia Barros contou que chegando no aeroporto depararam com o primeiro problema quando não tinham o código de voo, sendo que os bilhetes de passagem foram adquiridos pela internet e somente foi-lhes confirmada a viagem.

Ana Sofia Barros acrescentou que, após ultrapassar este impasse quando ainda havia funcionários no aeroporto, foram informados que o voo foi cancelado devido a uma suposta avaria no avião.

“Estamos aqui desde as 11:00 da manhã, e não nos deram nenhuma solução já fecharam o aeroporto e já não há funcionários por aqui. Não nos deram alojamento, transporte, não temos comida, e nos disseram literalmente para desenrascarmos”, disse, sublinhando serem estas “as primeiras regras que a companhia não cumpriu com os passageiros”.

A passageira acrescentou ainda que perante esta situação a CV Handling, que é representante da BestFly apenas para fazer check-in, estava de mãos atadas sem poder fazer nada, isto porque, explicou, a empresa tentou contactar a BestFly que pediu o contacto dos passageiros, sem, entretanto, lhes dar qualquer garantia de que poderão viajar hoje.

Sem saber para onde irem, porque não conhecem e não têm familiares na ilha a quem podessem pedir auxílio, os passageiros questionaram a responsabilidade da companhia para com os seus clientes, principalmente devido à exposição ao risco de contágio com a covid-19.

“Estamos todos expostos, e o que poderá acontecer se apanhamos covid-19. Será que a BestFly vai se responsabilizar pelos testes PCR? Além do mais há pessoas que têm apenas 10 dias de férias. Se nos colocarem de quarentena, o que poderá acontecer?”, interrogou.

Conforme a mesma fonte, Cláudio Monteiro, um outro passageiro, disse que as respostas às informações que pediam eram sempre as mesmas ou eram erradas, e que a companhia de voos domésticos insistia em que as soluções aos seus problemas, por exemplo, de hospedagem na Boa Vista, eram eles que deviam procurar, ao contrário do que diz a lei.

Entretanto, ainda junto dos passageiros a Inforpress conseguiu apurar que mais tarde foram lhes informado de que havia uma possibilidade de arranjar um voo para este domingo, o que acabou por acontecer.

A Inforpress está a encetar contactos junto dos passageiros para saber se todos conseguiram viajar no voo Sal Rei/Praia realizado pela BestFly na manhã deste domingo.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project