Legislativas 2021

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Boa Vista/UCID: José Sousa defende que é preciso fazer mais pela ilha e promete investir "fortemente" na saúde e habitação 04 Abril 2021

O cabeça-de-lista da UCID pela ilha das Dunas às legislativas de 18 de Abril, defende uma visão de “renascimento” para a ilha da Boa Vista. José Rui Sousa aponta que a ilha, em particular a zona Norte, tem-se mergulhado num sentimento de abandono profundo por parte do Governo. Em entrevista ao Asemanaonline, o líder da lista dos democratas cristãos aponta que vários sectores de atividade não têm recebido grandes investimentos e que é preciso investir na saúde, na habitação, numa economia sólida baseada nos sectores da agricultura, da pesca e pecuária de forma a manter a sustentabilidade da população. “As pessoas da zona norte da ilha da Boa Vista dizem estar "abandonadas" por este país e que Boa Vista não faz parte do mapa, relçando que é muito chocante quando vemos as pessoas mal habitadas quando temos habitações sociais às moscas”, relevou. Confira mais detalhes a seguir.

Entrevista conduzida por: Luciana da Cruz/Redação

Boa Vista/UCID: José Sousa defende que é preciso fazer mais pela ilha e promete investir

Asemana: Quais são as principais motivações da sua candidatura?

José Rui Sousa- O que mais me motiva é saber que pertenço a uma equipa qualificada, responsável, justa e democrática com princípios capazes de responder às preocupações que lhe é exposta.

Como está composta a lista da UCID às legislativas em termos de competência técnica e género?

- A lista é composta por cinco elementos das quais três são licenciados e dois são técnicos. Há três homens - José Sousa, Almerindo Nascimento e Márcio Silva, e duas mulheres - Claudia Da Luz e Lilian Rodrigues.

Com que nível de linguagem e metodologia de contatos pretende fazer a campanha eleitoral?

- Pretendemos utilizar uma linguagem mais simples possível, apostando em atividades porta-a-porta e com um número reduzido de pessoas com o intuito de impedir a propagação do covid-19.

Principais apostas para relançar o desenvolvimento da Boa Vista

Quais as principais apostas que a plataforma eleitoral da UCID preconiza para relançar o desenvolvimento da Boavista?

- Vamos apostar numa política económica sólida baseada no sector primário e secundário nomeadamente, a agricultura, a pesca, a pecuária e o artesanato de forma a assegurar choques externos e garantir a sustentabilidade em termos da população e alimentação.

Que aspectos importantes da ilha da Boavista devem merecer uma atenção especial na próxima legislatura?

- É fundamental investir nas áreas da saúde, da habitação social, do emprego jovem, de transportes marítimos e aéreos que estão em falta na ilha. Também é preciso investir na agricultura, na pecuária e no bem-estar das pessoas em termos de habitação e saneamento.

Principais reivindicações dos boa-vistenses

Pode enumerar as principais reivindicações dos boa-vistenses neste momento ?

- A questão da saúde está muito em défice na ilha da Boa Vista e a água para o uso alimentar está em péssimas qualidades que traz, por sua vez, muitos problemas de saúde. As pessoas da zona norte, dizem estar "abandonados" neste país e que Boa Vista não faz parte do mapa. É muito importante relembrar ainda que muitas pessoas estão mal habitadas com as habitações sociais as moscas.

O que a lista da UCID pretende fazer para credibilizar a política e reconquistar os eleitores?

- Pretendemos conquistar a confiança dos nossos eleitores de forma a retribuir a atenção no parlamento. Também queremos focar na parte da má justiça a nível nacional e também na questão de saúde que tem sido como todos sabemos considerado o último em relação aos hospitais e centros das outras ilhas.

O que esta candidatura da UCID traz de diferente em comparação com a lista dos outros partidos?

- Trazemos organização, trabalho feito a seu tempo estipulado, boa mensagem, novas fontes de esperança, renascimento da Boa Vista e acreditamos que os nossos eleitores também nos dará a oportunidade de provarmos a mudança que queremos implementar.

Meta de mandatos a conquistar

Qual é a meta definida pela sua lista no tocante ao número de mandatos a conquistar?

- A meta é eleger pelo menos um deputado de forma a levar as principais dificuldades da Boa Vista ao parlamento e assim provar o nosso potencial na boa gerência e estabilidade da ilha e do país.

Se sair derrotado, qual será a sua prestação junto do Governo?

- Acredito que nós estamos num bom caminho e que a ilha da Boa Vista merece uma oportunidade de renascer e caminhar com os seus próprios recurso e que também façamos parte desta história.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project