LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Brasil: Bolsa e real caem após decisão de Supremo sobre Lula 10 Mar�o 2021

Uma notícia boa para a esquerda ontem, uma má para a direita hoje. Respetivamente: a anulação das condenações contra Lula e a bolsa caiu 4 pc e o dólar subiu para 5,78 reais. No entanto, ainda é incerto se a viabilização duma candidatura de Lula — cuja elegibilidade ainda depende de recurso — não iria piorar a bipolarização no Brasil e impedir uma frente forte anti-Bolsonaro.

Brasil: Bolsa e real caem após decisão de Supremo sobre Lula

A incerteza é ainda sobre se a PGR-Procuradoria Geral da República (PGR) irá recorrer da sentença do ministro Fachin e levar o caso para a Segunda Turma da Corte.

Nesse caso, há uma importante probabilidade de tudo retornar à estaca zero, se assim o determinar o júri dessa instância superior composta pelos ministros Carmen Lúcia, Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Kassio Nunes, além de Edson Fachin.

Pega mal para o Brasil

Peritos no sistema financeiro afirmam que, independente da movimentação do mercado financeiro, a anulação das condenações "pega mal para o país". A credibilidade do Brasil está em causa num sistema muito sensível às variações políticas.

No mesmo sentido, afirmam que o facto de "Lula surgir forte para 2022" favorece a polarização. "Com Lula, fica inviabilizada qualquer frente contra Bolsonaro em 2022".

Lula surpreso apesar do fim da Lava-Jato

O ex-presidente disse estar surpreeendido com a decisão "tão rápida".

Mas era de esperar desde que o Ministério Público Federal do Paraná informou, a 03 de fevereiro, que a força-tarefa da Lava Jato "deixa de existir" como núcleo isolado — ao fim de quase sete anos de atuação.

Uma nova estrutura passou a vigorar, com a responsabilidade dos casos a ser transferida para o Gaeco-Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime, do Paraná. Dos 14 procuradores da República que ainda atuavam na força-tarefa da Lava-Jato paranaense, quatro foram integrados no Gaeco do Paraná, com mandato até agosto de 2022. Os outros dez procuradores — deslocados das suas lotações (comarcas) de origem — devem continuar até outubro a atuar na operação, mas à distância e em tempo parcial.


Legado da Lava-Jato?
Em 2019, a principal estrela da operação, o ex-juiz Sergio Moro, aceitou um cargo de "superministro" da Justiça no governo Bolsonaro.

A aliança entre o lavajatismo e o bolsonarismo criou altas expectativas de que a operação passaria a mudar a política por dentro, mas tudo não passou de ledo engano.


Reações internacionais

Um dos primeiros a exprimir-se sobre a anulação das condenações foi o presidente argentino Alberto Fernández, ainda no final da tarde do mesmo dia, 8.

"Congratulo-me com o facto de que o Lula foi reabilitado de todos os seus direitos políticos. As condenações foram anuladas", depois de terem sido "ditadas com o fim de persegui-lo e eliminá-lo da carreira política. Justiça foi feita!", lê-se no Twitter do presidente da Argentina.

Fontes: Wall Street Journal/G1/Le Monde. Fotos (AP): Bolsonaro e Lula podem vir a enfrentar-se em 2022. O porta-voz presidencial disse hoje que Bolsonaro espera ver Lula na eleição.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project