LUSOFONIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Brasil: Marido na UCI de Covid flagrado com ’namorada’ — Esposa ruma à esquadra 03 Abril 2021

O insólito político — com 460 funcionários do palácio presidencial doentes de Covid — aumenta no maior país da Lusofonia. Mas também o social como ilustra o caso esta quarta-feira da brasileira que preocupada correu para o hospital porque o seu marido, e pai da sua filha, estava prestes a ser intubado. Mas teve um choque: ele estava acompanhado e dispensou-a pois que a ’namorada’ — uma "amiga" dela — passa a cuidar dele. Ela foi registar a ocorrência na esquadra.

Brasil: Marido na UCI de Covid flagrado com ’namorada’ — Esposa ruma à esquadra

Segundo a Globo News, que cita o registo da ocorrência preenchido pela "vítima", a mulher casada há 20 anos estava no trabalho quando recebeu um telefonema do marido — bombeiro reformado —, a dizer que estava com Covid-19 e que ia ao hospital, mas que "não precisava de ir ter com ele, pois já se sentia melhor".

Ela no entanto ficou preocupada e correu para o hospital — um dos oito hospitais privados da capital do estado de Mato Grosso do Sul, no centro do país.

Mas foi barrada logo à entrada; segundo os funcionários, o paciente — que estava para ser intubado, porque o seu estado de saúde estava a deteriorar-se — estava "acompanhado pela namorada".

"Amiga"

A esposa, 48 anos, ficou à espera de poder entrar. Outra surpresa: a "namorada" do marido era uma das suas amigas, dela, de 57 anos!

Conseguiu conversar com o marido, de 52 anos. E já sem surpresa, ouviu-o pedir-lhe para entregar os seus pertences à outra mulher, que doravante cuidaria das suas coisas.

"Pode ir embora, cuida da sua vida", acrescentou ainda, segundo se pode ler no registo de ocorrência que a mulher entregou.

A "namorada" terá assim tomado conta dos documentos, bem como dos cartões de crédito e do telemóvel do paciente, segundo o "boletim de ocorrência de preservação de direito" que a legítima entregou na (foto ao centro) .

O "boletim de ocorrência de preservação de direito" define como "documento feito e registado na polícia no Brasil que serve apenas para comunicar factos às autoridades, não querendo dizer que seja um facto criminal".

Exposição na Sexta-Feira Santa da amante a negar ter cartões bancários

A "namorada" do bombeiro — que entretanto entrou em coma induzido na noite de quarta — veio a público na sexta-feira para negar ter-se apropriado dos pertences dele. Admite, no entanto, que tem um relacionamento com o bombeiro, que está internado desde sábado, 28 transato no Hospital da Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul).

Fontes: Globo/MSN/Campo Grande News. Fotos: Palácio do Planalto —com a média de 13 por cento que é três pontos percentuais acima da média nacional. Delegacia Policial. Hospital.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project