DESPORTO

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Brasil: Presidente Bolsonaro declara apoio a Neymar que nega violação: "Acredito nele". 06 Junho 2019

Esta quarta-feira, 5, em que o Brasil defronta o Qatar, Jair Bolsonaro disse em conferência de imprensa: "Espero dar um abraço no Neymar antes do jogo. É um garoto. Está num momento difícil, mas acredito nele".

Brasil: Presidente Bolsonaro declara  apoio a Neymar que nega violação:

O jogador da seleção brasileira e internacional do PSG, Neymar, foi acusado de ter violado uma mulher no mês passado, em Paris.

Depois dessa grave acusação, apresentada em São Paulo no dia 31, Neymar negou e partilhou vídeo, na internet, com textos e fotos ousadas que a suposta vítima lhe enviou.

O brasileiro do PSG explica que teve uma relação consentida com uma brasileira que conheceu nas redes sociais. Acabou por a convidar a visitá-lo em Paris. Encontraram-se no dia 15 e despediram-se no dia 17 para ela regressar ao Brasil.

Versão ou versões da defesa da alegada vítima

Ela depôs no dia 31 na delegacia de São Paulo sobre uma violação sexual ("estupro") de que foi vítima, no dia 15 às 20 horas, na primeira vez que esteve com o jogador, que a convidara a visitá-lo em Paris.

O gabinete de advogados dela afirma ter "rescindido o contrato porque ela mentiu", ao relatar apenas uma agressão. "Ela notou que ele estava embriagado. (...) ele havia se tornado uma pessoa violenta, agredindo-a". A vítima pede que "pela agressão, ele deveria ser responsabilizado civil e criminalmente".

A atual representante da suposta vítima, a advogada Yasmin Pastore Abdala, contradiz a versão do gabinete de advogados anteriores e afirma que a sua cliente disse ao ex-advogado que o jogador "a espancou e estuprou".

Versão da defesa de Neymar

Na antevéspera da apresentação da queixa à polícia, o advogado da alegada vítima encontrou-se na casa de Neymar com os dois advogados do jogador. Um destes, o advogado Gustavo Xisto, contou ao UOL que “foi solicitada uma compensação financeira ("cala boca") para que a suposta vítima não relatasse as alegadas agressões à polícia".

As autoridades brasileiras estão agora a investigar Neymar por crime informático, por ter divulgado imagens das conversas mantidas com a suposta vítima. Sobre a situação, o pai de Neymar disse: "Prefiro ver o meu filho a ser acusado por crime da internet do que por estupro".

Impacto da acusação: Real Madrid desiste de Neymar

O Real Madrid desistiu da contratação do internacional brasileiro para a próxima época, segundo adianta o diário desportivo espanhol ’AS’ desta terça-feira, 4.

"A vida do jogador, as suas polémicas e trajetória em Paris fazem desconfiar o Real Madrid, que constatou que os seus sócios já não têm ‘Ney’ entre os preferidos", lê-se na edição online do diário espanhol.

Fontes: UOL Esporte/ outras referidas. Foto: Em abril, os astros Neymar (de azul) e Gabriel estão em vídeo com os presidentes Bolsonaro e Netanyahu (a quem tratam de Bibi )a aceitar o convite para visitarem Israel. Na campanha em outubro, Neymar tinha apoiado o candidato Bolsonaro... com likes.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





Mediateca
Cap-vert

Uhau

Uhau

blogs

publicidade

Newsletter

Abonnement

Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project