AUTÁRQUICAS 2020

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Brava: MpD luta pela continuidade, PAICV convito na reconquista da Câmara 16 Outubro 2020

A campanha eleitoral para as autárquicas de 25 de Outubro prossegue, a todo vapor, na Brava com o PAICV cada vez mais confiante na reconquista da Câmara local. Mas o MpD diz também estar convito na continuidade da sua equipa na gestão da ilha, isto por considerar o trabalho e os investimentos realizados nos últimos quatro anos.

Brava: MpD luta pela continuidade, PAICV convito na reconquista da Câmara

As eleições autárquicas na Brava estão a ser disputadas “palmo a palmo” e eleitor/eleitor entre as candidaturas do PAICV com Clóvis Silva à cabeça e a do MpD liderada pelo Edil cessante Francisco Tavares. Ambos partidos mostram-se optimistas na reconquista da ilha. No caso do PAICV, aposta no seu regresso à Câmara, depois de quatro anos na oposição. Já o MpD quer evitar mudanças políticas na ilha, que está a gerir desde 2012.

Clóvis Silva, do PAICV, disse estar esperançoso de que haverá uma maior participação nestas eleições e isso poderá representar algum conforto para a sua candidatura que, durante a primeira semana da campanha, sentiu, conforme elementos da sua equipa, alguma mudança no seio dos eleitores.

Segundo apurou este jornal, nas últimas eleições muitas pessoas não participaram e a taxa de abstenção era de aproximadamente 40 por cento. Mas a caravana tambarina revela que muitas pessoas que antes estavam desanimadas estão agora a demonstrar vontade de participar nessas eleições depois de conhecerem a plataforma da candidatura do PAICV, divulgada sobretudo através de contatos porta-a-porta em que levou a sua mensagem de esperança e projetos para cada localidade.

A candidatura do PAICV vai continuar com porta-a-porta para apresentar os projetos às pessoas e pedir o voto no dia 25 de Outubro.

Já o candidato Movimento para a Democracia (MpD) Francisco Tavares, depois da primeira semana de campanha está cada vez mais convito na sua reeleição no dia 25 de Outubro para continuar os projetos/programas e os investimentos para o desenvolvimento da ilha.

“A população está a demonstrar que quer continuidade da nossa equipa e está ciente do trabalho realizado e dos investimentos feitos na ilha”, referiu o candidato do MpD, para quem não vale mudar se a equipa já deu provas suficientes daquilo que faz e dos projetos prioritários que têm para desenvolver a ilha.

À semelhança da candidatura adversária, a caravana do MpD continua a percorrer as localidades da Brava para levar a sua mensagem e auscultar a população sobre avaliação que faz do mandato que já terminou.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project