AUTÁRQUICAS 2020

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Casos da campanha na Praia: CNE delibera contra a atribuição, neste momento, do subsídio de dez mil escudos aos feirantes do Sucupira 20 Outubro 2020

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) deliberou esta segunda-feira no sentido de proibir que o Governo ou a câmara municipal, através do SEPAMP, atribua dez mil escudos aos feirantes de Sucupira afectados pelas chuvas.

Casos da campanha na Praia: CNE delibera contra a atribuição, neste momento, do subsídio de dez mil escudos aos feirantes do Sucupira

Segundo a Inforpress que cita a deliberação nº 90, de 19 de Outubro, os membros da CNE entenderam que o referido subsídio só pode ser atribuído depois do 25 de Outubro, ou seja, após a realização das eleições autárquicas previstas para esse dia.

No dia 16, durante uma visita à Sucupira, o ministro dos Negócios Estrangeiros e Comunidades, Luís Filipe Tavares, avistou-se com os feirantes do sector de mobiliário, onde ouviu reclamações das vítimas das recentes cheias que reclamam pelo apoio do executivo de Ulisses Correia e Silva.

Na ocasião, Luís Filipe Tavares assegurou que, a partir desta segunda-feira, 19, os que ainda não foram contemplados com as ajudas do Governo iam começar a receber o apoio, independentemente da linha de crédito que o Governo está a colocar à disposição dessas pessoas, porque, disse, “perderam praticamente tudo”.

Entretanto, diante desta promessa, o Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV-oposição) interpôs uma queixa junto da CNE, alegando que se estava a violar a norma no artigo 97º do Código Eleitoral, punida como crime eleitoral nos termos do artigo 290º do Código Eleitoral.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project