CORREIO DAS ILHAS

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

CV INTERILHAS satisfeita com os resultados do seu funcionamento em 2019 11 Janeiro 2020

Em operação desde 15 de Agosto de 2019, a CV INTERILHAS, concessionária do transporte marítimo de passageiros, veículos e cargas, nas ligações entre as ilhas do arquipélago de Cabo Verde, mostra-se satisfeita com os resultados. Em comunicado, a empresa realça que fecha o ano de 2019 com um crescimento de 25% do número de passageiros transportados relativamente ao período homólogo e «com taxa de cumprimento de frequência superior a 99%» .

CV INTERILHAS satisfeita com os resultados do seu funcionamento em 2019

De acordo com um balanço feito pela empresa, de final do ano, a 31 de Dezembro do ano transato, os números são encorajadores que, em apenas quatro meses de atividade, registou cerca de 1.800 viagens, tendo transportado 220 mil passageiros (mais 25%) do que em igual período no ano anterior, e 57 mil toneladas de cargas, incluindo 18 mil viaturas.

Conforme uma nota a que este diário digital teve acesso, a CV INTERILHAS aponta estes números como um crescimento “exponencial”, resultado que considera de uma “forte estratégia operacional”, assente em várias medidas implementadas, onde contou com toda a experiência e “know how” da Transinsular, uma das mais conceituadas empresas em Cabo Verde, igualmente detida pelo GRUPO ETE.

Em destaque está também o plano de formação dos recursos humanos da empresa, em parceria com a Universidade Pública de Cabo Verde, tendo resultado na certificação internacional STCW de 40 tripulantes.

“São fundamentalmente as práticas levadas a cabo pela CV INTERILHAS, dotadas de trabalho conjunto com empresas de excelência que posicionam e reforçam o seu compromisso em oferecer à população de Cabo Verde, uma solução com rigor, fiabilidade e qualidade, nos transportes marítimos”, realça em comunicado.

Evacuação de passageiros de Binter e primeiro novo navio a caminho

Outro exemplo que a empresa aponta como fruto do seu compromisso, é o caso da operação de evacuação recente, de cerca de 400 passageiros da Binter Cabo Verde, devido à bruma seca que atingiu as várias ilhas do País, impossibilitando o respetivo transporte por via aérea.

Para o ano de 2020, a empresa propõe prosseguir com a expansão da sua rede comercial, para além das 38 agências já existentes nas diversas ilhas de Cabo Verde, para melhor atender e servir o público. “A CV INTERILHAS continuará, igualmente, a investir na formação dos seus recursos humanos, um plano já iniciado em 2019, tendo como objectivo multiplicar este indicador”, refere a fonte.

Ainda, de acordo com a empresa de navegação marítima, durante o mês de Janeiro chegará ao país o primeiro navio novo – “Chiquinho”, que se encontra em travessia do Canal de Suez, com destino a Cabo Verde, vindo da Correia do Sul, onde foi construído. “A chegada deste navio, que se juntará dentro de pouco tempo à frota da empresa, virá reforçar a eficiência operacional da CV INTERILHAS, permitindo continuar a servir a população e a ligar as ilhas do País, com o compromisso de regularidade, rapidez e segurança. Não obstante, a empresa do GRUPO ETE, consciente dos desafios que ainda tem pela frente, continuará a implementar melhorias na sua operação, atendendo com uma resposta eficiente e eficaz às necessidades da população”, conclui a nota remeta ao Asemanaonline.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project