CVMA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

CVMA´2022 associa-se ao projecto de luta contra violência sexual contra crianças e adolescentes 28 Agosto 2022

A XI edição dos Cabo Verde Music Awards decidiu associar-se ao projecto de luta contra a violência baseada no género e violência sexual contra crianças e adolescentes, como beneficiário do projecto de responsabilidade social deste ano.

CVMA´2022 associa-se ao projecto de luta contra violência sexual contra crianças e adolescentes

A informação foi, segundo a Inforpress, divulgada hoje, na Cidade da Praia, pela directora de Comunicação dos CVMA, Soraia de Deus, durante a apresentação dos nomeados da edição deste ano, aprazada para 01 de Outubro, Dia Internacional da Música, sob o lema “Celebrar a nossa música”.

Este ano, a causa social está associada ao projecto de luta contra a violência baseada no género e contra a violência sexual contra crianças e adolescentes, é uma causa que estamos a trabalhar também juntamente com o apresentador ou apresentadora do evento”, revelou.

Segundo avançou, a organização está a trabalhar para que seja um momento especial para chamar atenção sobre este flagelo que já foi abordado em anos anteriores e que “infelizmente está sempre presente” e que vale a pena usar a música e os artistas para mais uma vez alertar a sociedade sobre esta problemática.

Em relação às pré-nomeações, Soraia de Deus adiantou que as votações ‘online’ já terminaram sendo que o processo foi feito inteiramente pelo público, que seleccionou 35 artistas e trabalhos liderados pelo músico Mário Marta e Dynamo, com quatro nomeações cada.

Entretanto, a mesma fonte assegurou que a cada ano é notável o envolvimento do público no processo de votação e que a edição deste ano bateu o recorde com mais de 10 mil votações.

Para esta responsável, os CVMA têm cumprido com os seus objectivos que passam por premiar a música de Cabo Verde, mas também a música que se ouve no país.

Em relação ao artista SOS Mucci, que manifestou o seu descontentamento com os jurados por considerar que o seu álbum “Raça Zeferino” devia estar entre os pré-nomeados na categoria melhor álbum, Soraia Ramos disse que o artista aceitou as pré-nomeações e depois disso não deu qualquer indicação oficial à organização de que não estaria disponível para as pré-nomeações que tinha aceite previamente.

Explicou que com o aproximar da fase das nomeações, a organização entrou em contacto com o ‘manager’ do artista para saber se estaria disponível para continuar no processo e disseram que não, pelo que foi retirado das nomeações efectivas.

Quanto aos preparativos, prossegue a Inforpress, do evento, que irá decorrer no largo Amílcar Cabral, Soraia de Deus disse que estão a “decorrer bem” e avançou que para a próxima semana estará disponível o primeiro lote dos bilhetes e será anunciada uma parte do cartaz, assim como quem irá apresentar o evento.

Lista dos nomeados

Melhor Produtor:

  • Cláudio Ramos, “Primavera”
  • Khaly Angel, “Sampadiu”
  • Toy Vieira, “Curpim Sab”

Melhor Beatmaker

  • DJ Guezite, “So Badjon”
  • Elji Beatzkilla, “Suleban”
  • Platini Beatz, “Ku Bo Te Fim”

Melhor Video Clipe:

  • Batchart feat Michelle, “Navio Vicente”
  • Dieg, “Mununo”
  • Rapaz 100 Juiz feat Fattú Djakité, “Strada”

Artista Revelação:

  • Ary Kueka
  • Edwin Vibez
  • Mureno

Melhor Funaná:

  • MC Prego Prego, “Riba Gaita”
  • Manú Reys feat Ferro Gaita, “Dodu Dodu”
  • Mário Marta, “Es Ka Ta Reia”

Melhor Coladeira:

  • Diva Barros, “Bo Mistêr”
  • Mário Marta feat Neuza, “Pé Di Campo”
  • Neuza feat Mureno, “Conberso Cu Distino

Melhor Música Tradcional:

  • Dino D’Santiago, “Voei de Mim”
  • Mário Marta, “Pitada Kankan”
  • Titita feat Ceuzany, “Sofia”

Melhor Morna:

  • Mário Marta, “Morna Vanguarda”
  • Nancy Vieira, “Sabu”
  • Neuza, “Prisão

Melhor Hip Hop:

  • Lose Jr, “Fight4life (versão clean)”
  • Mark Delman, “Pode Bem”
  • Rapaz 100 Juiz feat Fattú Djakité, “Strada”

Melhor Afrobeats/Afrohouse:

  • Danni Gato feat Mc Prego Prego, “Imagina Só”
  • MC Prego Prego feat MC Acondize & Toru, “So Badjon”
  • YuranBeatz, “Na Mei”

Melhor Ritmo Internacional:

  • Dieg, “Mununo”
  • June Freedom, “Andréia”
  • Nenny, “Tequila”

Melhor Kizomba:

  • Dynamo, “Primavera”
  • Neyna, “Nha Mos”
  • William Araújo X Dynamo X Djodje, “Suleban”

Melhor Colaboração:

  • Elida Almeida feat Nitry & Indira, “Segredu´s”
  • Voz&Versu #1, “Ka Podi Finda”
  • William Araújo X Dynamo X Djodje, “Suleban

Melhor Intérprete Feminina:

  • Elida Almeida, “Segredu´s”
  • Gama, “Nu Ta Ama”
  • Nenny, “Tequila”

Melhor Intérprete Masculino:

  • Dino d´Santiago, “Esquinas”
  • June Freedom, “Andréia”
  • Mureno, “Mor Di Nha Vida”
  • Melhor Álbum do Ano:
  • Batchart, “Resiliente”
  • Dino d´Santiago, “Badiu”
  • June Freedom, “Anchor Baby”

Música Popular do Ano:

  • Dynamo, “Primavera”
  • MC Acondize, “É Pa Pila”
  • MC Prego Prego, “So Badjon”

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade


  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project