ECONOMIA

A SEMANA : Primeiro diário caboverdiano em linha

Cabo Verde aderiu ao programa avançado de dados do FMI 18 Janeiro 2020

O Fundo Monetário Internacional (FMI) anunciou hoje que Cabo Verde aderiu ao programa avançado de disseminação de dados. A plataforma tem como objetivo, servir de ponto único de publicação para os dados macroeconómicos essenciais sobre as contas nacionais, operações governamentais e de dívida do setor monetário e financeiro e balança de pagamento.

Cabo Verde aderiu ao programa avançado de dados do FMI

“Cabo Verde lançou uma Página Nacional de Dados, implementando as recomendações do sistema de disseminação de dados, servindo como um veículo de publicação único para acesso a dados macroeconómicos essenciais em formatos legíveis para os humanos e para os sistemas informáticos”, lê-se no comunicado distribuído hoje em Washington, à sede do FMI, citada pela Inforpress.

Segundo agência cabo-verdiana de notícias, os dados vão ter ligações electrónicas para as estatísticas publicadas pelos produtores oficiais de dados, nomeadamente o Banco Central de Cabo Verde, o Instituto Nacional de Estatística e o Ministério das Finanças.

De salientar que o programa avançado de disseminação de dados (Enhanced General Data Dissemination System, no original) é uma plataforma de apresentação dos dados oficiais de cada país, que harmoniza os dados macroeconómicos e permite o desenvolvimento do sistema estatístico dos países que aderem a esta ferramenta informática.

Os artigos mais recentes

100% Prático

publicidade





  • Mediateca
    Cap-vert

    Uhau

    Uhau

    blogs

    publicidade

    Newsletter

    Abonnement

    Copyright 2018 ASemana Online | Crédito: AK-Project